Geração Suprema


Antes da criação temos a Destruição.
 
PortalInícioRegistrar-seConectar-seFAQBuscar

Compartilhe | 
 

 T5E02 - O Limite do Amanhã

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Bugarski
Administrador
Administrador
avatar

Mensagens : 640
Data de inscrição : 15/08/2013

Suprema Card
Nome Civil: Jones Statäinhoffen
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: T5E02 - O Limite do Amanhã   Seg Jul 17, 2017 10:40 pm

Nova Jersey, Província da U.M. – Ano 5 da Era Mutante

A viagem de helicóptero segue com Rockfeller a sofrer com as contarias ininterruptas de Spark após Rockfeller informar que sua antiga moradia era no estado de Nova Jersey. Ao se aproximarem da costa do estado de Nova Jersey a aeronave começa a seguir como se estivesse em um piloto automático, o que faz com que Spark diga a seu parceiro:

- Então carinha, hora de voar!

Spark solta a aeronave e usa se poder para arrancar a porta metálica. Imediatamente ele empurra Rockfeller pela porta e salta, junto do item que acabara de pegar, subindo em cima do mesmo e usando-o como se surfasse no ar. Em poucos segundos ambos estão em terra firme.

Em solo, Rockfeller pode ver que sua antiga terra não possui a mesma configuração da qual recordava, embora não estivesse nem um pouco parecida com as terras europeias, destruídas e em estado de ruína. Agora as ruas eram calçadas por longas estruturas metálicas e com quase nenhum aparato tecnológico, exceto pelas enormes telas que se espalham de dois em dois quarteirões a estampar a logomarca da União Mutante e seus feitos em vídeos que sempre contemplando a figura de seus maiores líderes, em especial, Bugarski acompanhado de três crianças. As moradias seguem um mesmo padrão, alguma espécie de arquitetura moderna, com casas grandes. Nas ruas crianças brincam com brinquedos arcaicos, como peões, bolas de gude, bolas de futebol e bonecas. Também podem se ver arenas grandes com alguns adolescentes a ostentar seus poderes. Existe neste local uma vasta lavoura onde mutantes e humanos trabalham com afinco.

- Vendo assim parece que tudo está normal, não é? Esqueci de mencionar, seu helicóptero foi capturado por John Mycroft e agora não temos como voltar, não por vias fáceis HÁ HÁ HÁ HÁ!

Seguindo por ruas tranquilas, logo Rockfeller pode avistar seu antigo casarão. No portão existe um placa informando:

Futura Instalação do Silo Global. Propriedade do Governo Mutante.


Trenton – Ano 5 da Era Mutante

O cruzador desce em uma bela cidade, Trenton, e logo Titan desce de seu veículo, seguido de Ouriço.

-Esta é sua primeira missão, garoto, vamos ver como se sai. Não cheguei a te dar nenhuma coordenada então, preste atenção. Estamos em busca de alguns rebeldes e isso não é nada fácil. Embora possamos detectar eles com facilidade, se quiséssemos, não poderemos fazer isto, já que não queremos criar problemas para nenhum cidadão. Por isso vamos agir com naturalidade, apenas observando e, assim que conseguirmos detectá-los, vamos agir de maneira tranquila, fazendo com que eles sejam atraídos para um local ermo onde poderemos captura-los.

Titan observa ao redor e continua:

-Eu não poderei ajudar muito já que sou muito conhecido e não tenho muitas chances de me esconder. Leve isto, é só acoplar em seu pulso.

Titan entrega a Ouriço um computador de pulso.

-Com isto poderemos nos comunicar e trocar informações. Nele você poderá ver os dados de quem estamos procurando. Muito cuidado, alguns destes rebeldes são muito perigosos, portanto, não cometa nenhum ato leviano. Assim que os encontrar, me reporte.

O grandalhão segue até entrar em um prédio e Ouriço se vê sozinho em uma vasta Avenida. Ao seu lado esquerdo existe uma praça onde pessoas idosas seguem a jogar partidas de dama e xadrez. Ao seu lado direito ele pode ver uma grande tela que registra a batalha de cinco anos atrás com uma grande propaganda dos vitoriosos numa narrativa grandiloquente engrandecida por uma belíssima e apoteótica trilha sonora.

Local Desconhecido – Ano 5 da Era Mutante

A boca seca e o frio batendo diretamente no tecido epitelial denunciam: Liam Malkov não está utilizando seu traje. Ele sente seus braços amarrados, dispostos para trás, suas pernas suportam pesos que não permitem movimentá-las e seus cabelos incomodam suas narinas em um contato leve, causando-lhe espirros diversos.

-Até que enfim acordou! Já estávamos ficando preocupados!

Liam levanta a cabeça e pode ver seis homens a sua frente e, um especial, ele pode reconhecer: Drew Keaton. Este mesmo vem a seu encontro, levantando o rosto do garoto por seu cabelo.

-Então você é uma das putinhas de Bugarski? Como pode? Logo você, um cara que nasceu podre de rico, que podia ter o quisesse, ser o que quisesse... Apoiar uma causa imbecil e segregacionista como a implantada por aquele animal não faz o menor sentido. Mas tudo bem, inteligência nunca foi uma característica dos Malkov.

Drew solta a cabeça de Liam e acende um cigarro. Logo depois ele se abaixa a frente do garoto, solta a fumaça no rosto de Liam e retoma:

-Te chamam de Zeus, não é? Então Zeus, deixe-me contar algumas histórias. Há mais de cinco anos eu fui salvo por um tal de Statainhöffen, não, não o seu chefinho Bugarski, mas sim, o pai dele, o famoso líder dos CANFORAS, Bronson. E sabe o que eu fazia antes disto? Trabalhava numa indústria, conhecida como indústrias Malkov. Eu era chefe da produção de armamentos e você era apenas um pivete que seguia os pais. Depois daquele dia eu nunca mais consegui trabalhar um dia sequer, sabe porque? Pelo seu querido chefinho, Bugarski que, até hoje não sei como, conseguiu fazer com que seus pais apoiassem a causa mutante. Tive que sair da produção, mas, eu ainda tinha meus contatos lá dentro e, por isso, hoje possuo este arsenal!

Os outros cinco homens abrem uma espécie de closet. Dentro Liam pode ver inúmeras armas com tubos de cores fluorescentes e a logomarca das indústrias Malkov.

- Todo o mundo sabe que as indústrias Malkov representam os ideais da União Mutante, então, nada melhor que fazer com que os símbolos da União sejam responsabilizados por algumas mortes.

Arrancando uma faca de suas costas, Drew corta a corda que prende os braços de Zeus, fazendo-o cair ao chão, de face, mas, sem maiores estragos.

-Mas não se preocupe, jovem Malkov – diz Drew – você vai ficar vivo para receber toda a culpa pelos assassinatos que serão ocasionados pelas armas das indústrias Malkov, só não sei como vai estar vivo, espero que esteja em uma cadeira de rodas! Adeus!

Drew Keaton sai pela porta da casa e utiliza a motoneta de Liam para ir embora. Os outros cinco homens continuam na sala e começam a atacar Liam com socos e pontapés enquanto o garoto ainda se mantém no chão.




OBS:-Caso precisem de orientação e/ou informações, favor procurar o mestre ou um adm;
-O prazo de postagem segue da data de hoje até as 23:59 do dia 19/07;
-Um bom jogo a todos!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ouriço
Teen
Teen


Mensagens : 10
Data de inscrição : 21/06/2017

MensagemAssunto: Re: T5E02 - O Limite do Amanhã   Ter Jul 18, 2017 12:55 pm

Desço do cruzador com Titan a minha frente , observando a beleza da cidade , que pelo o que sei deve ser Trenton. Assim que chegamos ao chão , Titan me passa informações sobre a missão dizendo que temos que ser cautelosos e imediatamente penso " achei que ele iria chegar quebrando tudo " . Ele olha ao redor , me entrega um computador de pulso e some em meio às pessoas ao entrar em um prédio.

Me encontro sozinho na avenida , olho de um lado para o outro e começo a me desesperar , fecho os olhos rapidamente e falo comigo mesmo baixinho:

-Se acalma , é sua primeira missão , preste atenção nos detalhes e não faz merda .

Me acalmo , olho ao redor e me dirijo a uma praça no qual idosos jogam xadrez e dama . Sento em um banco, ajeito minha adaga na cintura e olho o aparelho que Titan me deu em busca de informações, logo após , olho ao redor e tento achar possíveis suspeitos e lugares para procurar
Voltar ao Topo Ir em baixo
Zeus
Teen
Teen
avatar

Mensagens : 12
Data de inscrição : 10/11/2014

Suprema Card
Nome Civil: Liam Malkov
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T5E02 - O Limite do Amanhã   Ter Jul 18, 2017 6:42 pm

Sentia as pancadas por meu corpo e a dor dos golpes, tento usar a energia cinética dos golpes ou qualquer outra pra manipular e transformar em energia elétrica e criar uma camada ao meu redor.

Caso der certo já irei me levantar e tentar golpear algum inimigo próximo.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Blitz
Teen
Teen


Mensagens : 3
Data de inscrição : 11/07/2017

MensagemAssunto: Re: T5E02 - O Limite do Amanhã   Qua Jul 19, 2017 1:36 am

Após algum tempo andando, chego em Berlin, vejo ao fundo a sobra de uma pessoa, me aproximando, percebo que é a mesma pessoa que me acordou da ultima vez, mas desta vez, a reconheço, era meu primo distante da Bélgica.

Não acredito que você ainda esta vivo, o que aconteceu com você?

Acabei me perdendo feio da nossa família, mas que bom que te encontrei, que agora posso lhe treinar para conseguir vingar seus pais.

Depois de conversarmos um pouco, treinamos por umas 5 horas e ai pergunto a ele.

Mas, onde você aprendeu a lutar assim?

Depois de me perder, fiquei perambulando pelas ruas, e o melhor jeito para me proteger era aprendendo a lutar.

Descansamos um pouco, e logo voltamos a treinar mais um pouco, ainda com algumas perguntas apenas treinei um pouco, e logo após o treino, ele me disse que teria que ir, não disse onde, porem se foi.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Bugarski
Administrador
Administrador
avatar

Mensagens : 640
Data de inscrição : 15/08/2013

Suprema Card
Nome Civil: Jones Statäinhoffen
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T5E02 - O Limite do Amanhã   Qua Jul 26, 2017 1:34 pm

Nova Jersey, Província da U.M. – Ano 5 da Era Mutante

Rockfeller recebe uma descarga elétrica leve, o que o assusta por um breve momento

-Hey mané parece chocado com algo ?
HÁ HÁ te achei desligado por isso dei uma forcinha, leia esta placa



Trenton – Ano 5 da Era Mutante

Ao observar a movimentação, Ouriço não vê nada suspeito, com tudo funcionando da maneira mais tranquila possivel. Ele observa o seu relógio de pulso e percebe que os que procura são:

Um homem de aproximadamente 30 anos e um garoto de 18.

Enquanto se concentra nos dados, um velho se aproxima.

-Uma boa tarde meu jovem, nunca o vi por aqui, é novo na vizinhança ? Hehehe. Não  importa, que tal uma partida de xadrez com esse velho ?

O homem apoiado na bengala aponta para a mesa se dirigindo para lá e organizando as peças.


Local Desconhecido – Ano 5 da Era Mutante

Os golpes nao cessam e Zeus não consegue reunir qualquer energia, ele desmaia no ato.

Algumas horas depois ele acorda no local, sozinho e vê Hagi a sua frente, o telepata não se mostra irritado, porém olha Liam com um ar de reprovação.

-Isto só mostra seu despreparo, venha comigo.

Hagi leva-o ate a capital Nova Teenimac.

-Aqui vamos poder desenvolver melhor suas habilidades, vai ser um treino completo, é uma trilha de atividades inventada por Don, um dos CÂNFORAS, e se chama "método de aprendizagem ou morte extrema", mas como o Titan falava "Toma a bênção Antônio! ". Tome esta faca de caça, ela sempre é útil.

Zeus e inserido no campo, um área de florestal densa com sons de animais por todo lado. Liam adentra o local tendo primeiro desafio uma onça o atacando.


Local Desconhecido – Ano 5 da Era Mutante

Kaboom recebe mensagem de Hagi, juntamente a Mímico a primeira dama mutante segue com um barco em direção ao sul.

Após algumas horas em um barco luxuoso com requintes aos quais o jovem nunca sonhara, comidas e roupas de primeira linha, encontram uma cidade bela , onde há muita tranquilidade e os telões apresentam os avanços da U.M.,  como outdoors espalhados pela cidade



Lisboa – Ano 5 da Era Mutante

Ajani e Peter Heinz conseguem sair a tempo do vulcão, antes que ele libere seu magma e seus gases tóxicos na atmosfera. Em uma área protegida Gadget finalmente enxerga o artefato nas mãos de seu aluno:

-Você conseguiu! Eu temi que tivesse perdido este artefato. Enfim, uma boa notícia! Segure-o pra mim. Vamos até Lisboa, tenho visitas inesperadas e não posso ficar mais aqui.

Gadget tecla alguns números em seu traje e logo uma pequena aeronave redonda chega até seu encontro.

-Esta tecnologia nosso amigo Suporte ainda não é capaz de decifrar. Mudo os códigos constantemente e ele não é capaz de me oferecer um embate que valha a pena. Entre agora, Ajani. Você será útil no que vamos fazer!

Gadget e Burn entram na aeronave e, em questão de pouco mais de uma hora, ele já se encontra nos céus de Lisboa.

-Vamos descer aqui!

Os dois descem em solo português, local dominado por ruínas deixadas pela grande guerra de cinco anos atrás.

-Ele deve estar aqui por isto, pelo que mais seria.... Me desculpe, Ajani, eu pensei ato, permita-me explicar. Bugarski está aqui e ele vem com visitas, algumas estranhas, eu diria. O que ele estaria fazendo junto de Elizabeth, ela é uma mutante que se opõe aos ideais dele e aos meus.... Não faz sentido! Vamos a pé e na surdina, não quero que eles nos encontrem sem que eu possa entender o que está acontecendo aqui. E guarde bem este artefato! Sente algo diferente ao tocá-lo?

Burn não nota qualquer diferença ao manusear o colar e, pelo contrário, desde que saíra do vulcão, ele percebe que seus poderes não estão mais ampliados, sendo reduzidos numa Lisboa bastante fria.



OBS: - Seguem neste episódios os jogadores Mímico, Rockfeller, Ouriço, Zeus e Burn.
-As regras de postagem seguem as mesmas, assim sendo, quando dois jogadores efetuarem a postagem, os outros dois terão o prazo máximo de 24horas para efetuarem suas respectivas postagens.
-Bom divertimento.


Última edição por Bugarski em Qua Jul 26, 2017 7:11 pm, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Mimico
Teen
Teen
avatar

Mensagens : 10
Data de inscrição : 07/03/2016

Suprema Card
Nome Civil:
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T5E02 - O Limite do Amanhã   Qua Jul 26, 2017 3:13 pm

Mímico após ser solto por Kaboom na cidade ele começa a vagar pelas ruas estudando rotas para retornar com maior facilidade ao ponto de saída

*Cara que navio era aquele, tinha umas paradas de comer que nem seu falar o nome hahahahahaha juro que ouvi um cara falar que a porção antigamente comprava um AP*.

-Bom acho que já estudei bem essas ruas vamos começar o show.


Olhando em volta percebo que muitos ali são mutantes se não todos, mas não vou perguntar se são hahahah.

Aproximo-me das pessoas usando toda a habilidade que consegui em meus anos de furto e enganação

-Boa noite caro senhor (a), acabei de chegar à cidade estou meio perdido estou precisando de um lugar para comer e também passar a noite, ou então achar um amigo de meu pai ele tem por volta dos 30 anos, ele esta junto de meu primo, mas acabou que meu barco atrasou e desencontrei como eles hahahaha será que você podia me ajudar com as duas informações, não posso ficar sem acho-los e muito menos dormir na rua.

(INFORMAÇOES CEDIDAS PELO MESTRE)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Burn
Teen
Teen
avatar

Mensagens : 10
Data de inscrição : 08/03/2016

MensagemAssunto: Re: T5E02 - O Limite do Amanhã   Qua Jul 26, 2017 8:21 pm

A nave é um tanto estranha, mas de veras eficiente, o clima se mostra um tanto ruim, não me deixa a 1000% como me sentia no Santa Helena, mas nada que incomode um islandês, estou acostumado ao clima subpolar enquanto vejo a Aurora Boreal, inclusive, acredito que o plasma solar em contato com o frio que gera este fenômeno, pode ser também o que fez minha mutação ser como é.

Ao chegar em solo, Gadget me pergunta sobre algo diferente com o colar, algo que não notei desde que o peguei.

Nada de anormal... alias tenho alguns questionamento para você mente brilhante

Guardo o colar no bolso interno da minha jaqueta. Caminho um pouco e então tento criar uma minúscula esfera de plasma na ponta do dedo.

Sempre achei que minha mutação criava fogo e me deixava manipula-lo, mas apos visitar o máximo de vulcões que pude, acabei por entender que isso sim é meu poder

Mostro a Gadget a esfera antes de deixa-la se extinguir

Não tenho intelecto tão refinado, mas pude compreender que o fogo que gero e controlo são apenas uma forma primordial do que vão ser, assim como o sol ou mesmo o magma do vulcão. O meu questionamento é, você vai me ajudar a dominar este entendimento ou vou ficar por pesquisar por minha conta.

Fico um pouco decepcionado por não conseguir criar uma esfera descente de plasma solar, mas o fogo tenho dominado bem e posso aguardar até conseguir total domínio de minhas habilidades.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ouriço
Teen
Teen


Mensagens : 10
Data de inscrição : 21/06/2017

MensagemAssunto: Re: T5E02 - O Limite do Amanhã   Qui Jul 27, 2017 1:37 am

Sentado na praça , observo aí meu redor , na esperança de encontrar algo suspeito ou dar a sorte de encontrar um dos suspeitos mas não vejo nada de estranho . Enquanto observava um velho veio até mim e puxou uma conversa e me convidou para uma partida de xadrez:

-Sou novo sim , estou de passagem a procura de alguns familiares, meu nome é Allan , e o do senhor ?

Me levanto e estendo a mão para um aperto de mão , Me dirigi de modo bem convincente para o velho acreditar e talvez me dizer alguma coisa útil

-o senhor mora aqui por muito tempo ? Podemos dizer que estou meio perdido haha .

Espero sua resposta

-Sim , jogo uma partida com o senhor .

Me levanto e me dirijo a mesa atento as pessoas que me rodeiam e olhando discretamente para ver se não estou sendo observado e prestando atenção no velho sem chamar atenção e pensando " um velho me chamando pro xadrez ? Sério ? Tanta gente nessa praça e logo eu ...... suspeito , mt suspeito "
Voltar ao Topo Ir em baixo
Zeus
Teen
Teen
avatar

Mensagens : 12
Data de inscrição : 10/11/2014

Suprema Card
Nome Civil: Liam Malkov
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T5E02 - O Limite do Amanhã   Qui Jul 27, 2017 7:11 am

Salto para o lado para tentar desviar do golpe da onça e assim que possível já avanço em sua direção com a faca em mãos mirando sua garganta tentando aproveitar alguma brecha após o ataque da onça.

Após o resultado do ataque, tento reunir a energia cinética gerada por toda a ação e concentrar na minha mão para socar o animal.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Rockefeller
Teen
Teen
avatar

Mensagens : 9
Data de inscrição : 14/02/2016
Idade : 28

MensagemAssunto: Re: T5E02 - O Limite do Amanhã   Sex Jul 28, 2017 7:13 pm

- Cara Realmente era preciso me jogar? era só pedir pra pular fora. Já pensou em ser um pouquinho menos hiperativo?


Chegando em Nova Jersey vejo que nada se parece com minhas antigas lembranças, vejo que tudo mudou graças a UM. Fico meio pasmo por um tempo vendo tantas mudanças e Spark me da um Choque.


- Cara! Menos hiperatividade.. menos... Depois que vc me mostrou tudo aquilo, nunca imaginei que seria fácil.


-Sim, essa placa está me incomodando e uma coisa eu te digo. Aqui não vai ser uma “Futura instalação de silo sei lá o que”.

-Realmente não entendo vocês, porque vocês deixaram chegar a esse ponto. Deixar um Louco ditador tomar conta do globo. Mas não leve a mal ta na hora de mostrar pra eles e para esse povo que tem pessoas que não concordam com essa loucura, Já pensou pra pensar que a maioria dos novos adeptos que eles conseguem não concordam e se juntam por medo? Tá na hora de tirar essa turma da zona de conforto.




Estico a mão com meu poder retiro a placa e a destruo e sigo entrando em minha casa.

- E ai Spark vamos lá? MINHA CASA nos espera.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Bugarski
Administrador
Administrador
avatar

Mensagens : 640
Data de inscrição : 15/08/2013

Suprema Card
Nome Civil: Jones Statäinhoffen
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T5E02 - O Limite do Amanhã   Sex Jul 28, 2017 11:13 pm

Nova Jersey, Província da U.M – Ano 5 da Era Mutante

Após o choque, finalmente, Krieger Rockfeller parece se atentar ao ocorrido. Visivelmente irritado com as atitudes de Spark, ele avalia a placa a frente da antiga casa de sua família e a retira, afirmando que ela não se tornaria uma instalação da U.M., não importando o que fosse. Ele e Spark entram pela frente e Theo o responde:

-Você não entende como deixamos? Como se tivéssemos deixado algo, meu amigo. Primeiramente, não tome Bugarski como um louco, se ele conseguiu isto tudo tenha certeza que não foi por loucura. Mas deixe que eu te explique como tudo isso chegou a este ponto. O cara era um gênio! Ele conseguiu se promover perfeitamente na guerra contra Fim, colocou o mundo todo a temê-lo e se aliou aos mais fortes. Depois vem aquele discurso lindo, de igualdade e tudo mais. Num momento onde todos estavam desamparados com medo dos mutantes, foi a deixa perfeita. Fizemos e ainda fazemos de tudo para que as pessoas entendam o quão nocivo pode ser seguir esta ideologia, mas, olhe ao seu redor, todos tem tudo e, levando em consideração que a maioria das pessoas não tinham tantas posses quanto, posso ver, a sua família tinha, é natural que eles defendam o que tem hoje.

Os dois entram pela porta da frente que está destrancada.

-A maioria deles não se junta por medo, mas, por conseguirem vidas mais dignas do que as que mantiveram durante estes cinco anos. É um processo de lavagem cerebral, por isto, ela é tão difícil de ser enfrentada. É amigão, acho que você não tem mais nada por aqui.

Olhando o hall de entrada do casarão, Rockfeller pode ver que não sobrara nada de sua antiga mobília. Os dois percorrem pelos aposentos e não encontram absolutamente nenhum item da família, pelo contrário, paredes estão quebradas, como numa grandiosa obra.

-Cara, na boa, desiste disso aqui. Se já começaram as obras não vai tardar pra que os caras cheguem aqui.

Rockfeller lembra-se do bunker criado na época da segunda guerra mundial, obra de seu bisavô que pretendia se esconder de um possível ataque nuclear, local onde costumava se divertir com seu irmão quando criança.



Trenton – Ano 5 da Era Mutante

Na bela e pacata cidade de Trenton, Ouriço segue a analisar o local, com olhos aguçados, em busca de alguma pista sobre as duas pessoas que procura. Sem nenhum sinal dos mesmos, Ouriço é surpreendido por um senhor idoso, amparado por uma surrada bengala de alguma espécie de madeira desconhecida, convidando o jovem para uma partida de xadrez. Esticando a mão após se apresentar, Ouriço tem seu gesto retribuído com um forte aperto de mão:

-Eu me chamo Frederic.

Os dois se sentam na mesa e o senhor, sorridente, volta a falar com o garoto:

-Vejo que é novo aqui na cidade, Allan. Eu moro aqui há muitos anos, há mais tempo do que você pode ser capa de calcular, mas, nem sempre pude me apresentar a alguém – o senhor levanta a sua blusa e Ouriço pode ver que a pele do homem é coberta por escamas – Como pode ver, nem sempre minha aparência foi aceita pela sociedade. Devo muito aos garotos que trouxeram dignidade a nós mutantes.

O velho, jogando com as peças brancas, move um peão.

-Então você procura por familiares, certo? Eu conheço todos por aqui, é só me dizer um nome que posso te ajudar. Mas, sou bom em avaliar as pessoas e posso quase que garantir que você não está aqui por isto hehehehe. Você está com um ar apreensivo, o que eu entendo perfeitamente, porque um velho o convidaria pra uma partida. A resposta é mais simples do que parece: eu já venci todos aqui e, exceto por Bugarski que aparece aqui anualmente, eu nunca fui vencido. Não precisa me contar o real motivo de sua visita, mas, se contar, pode ser que eu o ajude.

O senhor Frederic mostra um emblema com a união das letras “C” e “M”.

-Posso não parecer mas sou um Condestável Mutante, ou seja, possuo informações privilegiadas e contato direto com a nossa rede Suporte, um privilégio para poucos que fazem parte do panteão de confiança de nosso líder.


Centro de Treinamento Básico, Nova Teenimac – Ano 5 da Era Mutante

Zeus não oferece nenhum tipo de reação contrária à decisão de Hagi sobre seu treinamento básico, talvez entendendo que seria necessário um aprimoramento de suas aptidões básicas para que pudesse ser um importante auxílio na consolidação da ideologia mutante.

Na sala de treinos, preparado para o que se segue, no simulado da floresta tropical, Liam se esquiva do golpe de seu rival virtual saltando para a direita sem perder a sua base de apoio para que possa, na sequência, atacar com sua faca recém adquirida na garganta do animal. A pele consistente do animal, brilhantemente imitado, reduz boa parte do impacto, porém, não o suficiente para não perfura-lo.

Após o resultado do ataque, Zeus tenta reunir a energia cinética gerada por toda a ação e concentrá-la em sua mão para socar o animal. O soco segue seu percurso porém, sua manipulação energética não surte o menor efeito. A fera, sangrando, foge pela trilha de grandes árvores, sumindo em meio ao cenário. A floresta desaparece e a sala surge, vazia, em seu estado real.

- Percebo que está a tentar usar seus poderes de forma errada, Liam. Mas, não se preocupe, isso mostra confiança em seu potencial. Vamos passar para a fase dois e tente entender melhor suas capacidades atuais, ok?

A voz de Hagi surge nos alto falantes e, logo ao desaparecer, Zeus se depara com outro cenário. Ele se encontra em uma cidade destruída, ruínas dispersas, tal qual Lisboa. A sua frente se encontram um homem e uma mulher muito bela. A mulher sorri para ele e emite um grito sônico que quase estoura seus tímpanos e o homem segue contra o garoto desferindo uma sequência de chutes de tae kwon do que o acertam de um modo que faz com que Zeus sinta uma energia elétrica percorrer por seu corpo, causando imensa dor e certo torpor.


Nova Jersey – Ano 5 da Era Mutante

Já em solo, Kaboom se distancia de Mímico, deixando-o a vontade pra realizar a sua busca a partir de seus próprios meios. O garoto, treinado na arte da enganação, um típico malandro das ruas, segue seu caminho, deparando-se com uma senhora que varre a calçada de sua casa. A senhora, abrindo um largo sorriso, responde ao jovem:

-Coitadinho! Sei o quanto é ruim se desencontrar das pessoas, mas, não se preocupe, não deixarei você sem lugar pra ficar, como está no artigo cinco de nossa constituição da União: é expressamente proibido recusar auxílio a um irmão. Entre, estava fazendo um bolo de cenoura.

Mímico adentra pela porta frontal da casa da senhora, por convite, algo com o qual não estava acostumado. Lá dentro ele se depara com uma vasta mobília rústica, quadros dos grandes líderes da U.M. autografados pelos mesmos, num caro sinal de idolatria. A senhora o acomoda na sala de estar e segue até a cozinha, trazendo uma xícara de café e uma generosa fatia de bolo de cenoura com chocolate.

-Coma, coma! Adoro visitas! Você pode ficar aqui o tempo que quiser, caso não encontre os seus familiares. Sobre as pessoas que procura, ajudaria se me desse algum nome. Conheço quase todos desta cidade já que atuo no centro de distribuição alimentícia. Agora me diga, qual o seu nome? Eu me chamo Felicity.

A senhora olha de maneira convidativa para o jovem e, levantando a mão, ela cria uma espécie de cisne.

-Você não me parece familiarizado com os costumes da U.M. Sempre que nos apresentamos mostramos também nossas habilidades. É uma saudação mutante, orientada pelo grande Hagi. Como pode ver sou uma ilusionista.

O cisne salta da mão da mulher e se estaciona ao colo de Mímico.


Lisboa – Ano 5 da Era Mutante

Seguindo pelos escombros da capital em ruínas, Burn aproveita, após guardar o colar em sua jaqueta, para interpelar Gadget a cerca de sua habilidade mutante e de descobertas ocorridas no interior do vulcão Santa Helena. Sem que hesitassem na caminhada, Gadget o responde:

-É provável que sua habilidade não tenha relação imediata com as chamas, mas sim, com o magma. Mas isto é apenas uma das milhares de hipóteses que temos aqui. Podemos avaliar melhor ao chegar no meu laboratório. Sobre ajudar você, bem, isto vai ficar a sua escolha e no momento certo. Pare!

Gadget para a mão no peito de seu pupilo, interrompendo-o para, na sequência, mirar com seu braço esquerdo em uma determinada direção. Em questão de milésimos um tiro de plasma salta de seu braço indo em direção a, como agora Burn pode observar, ao braço de uma mulher.

- Tio Peter!

Burn vê uma pequena criança de aproximados 8 anos correndo na direção de Gadget.

-Se não é a minha anã predileta!

Gadget e a criança se abraçam, para a surpresa de Ajani.

Hal Hakkinen vê Magnetic seguindo até Gadget e, finalmente, entende que foi o tiro de Peter Heinz que protegeu a vida da garota, fazendo com que o golpe de Elizabeth o acertasse. Ali, contorcendo de dores ele vê Bugarski acertar um furioso e potente “gancho” no queixo da mulher, fazendo com que o impacto das mandíbulas arrebentassem-lhe os poucos dentes que restavam à mulher. O gancho é seguido de um soco direto em sua face, quebrando-lhe o nariz e a desmaiando.

-Você tentou matar minha filha por duas vezes! Estou farto de você!

-Não na minha casa, Jones!

Ajani reconhece o nome e pode ver a figura emblemática de Bugarski ao lado de uma figura esquelética caída ao chão e, também, ao lado de um garoto de sua idade, contorcendo-se de dor com um imenso ferimento na lateral da barriga.

-Sua casa, suas regras, mister Heinz!

Gadget e Bugarski se aproximam um do outro e se abraçam, demonstrando grande amizade, apesar de lutarem por causas distintas:

-Como você está, meu amigo?

-Como sempre, muito bem! Você me parece ótimo.

-Tenho feito exercícios...

-A base de lúpulo?

-Não, melhor! A base disto! – Bugarski retira de sua capa duas garrafas de uísque – Safra especial dos McCorgans!

-Formidável! E quem seria este garoto?

- Este é Hal Hakkinen, uma cópia de nosso Hugh Irenia. Acho que ele está um pouco fodido, o que eu agradeço, foi seu tiro que fez ele ficar neste estado e ter salvo a minha filha.

-Não atingiu pontos vitais, embora eu saiba que ele está sofrendo de dor, coitado. Me desculpe, senhor Hal, mas foi o melhor cálculo. Eu passei um bom tempo calculando a distância, ângulo, velocidade do vento, entre outros para que eu pudesse salvar Esther, não eliminar Elizabeth e não ferí-lo. Infelizmente, o melhor cálculo que trazia menos problemas envolvia ferí-lo. Devido a isto, irei cuidar de você pessoalmente em meu laboratório.

-Você escondeu bem desta vez, mas, continua o mesmo. Escrever em latim uma frase do Tolkien? – Bugarski aponta para o círculo que Ice havia encontrado anteriormente – Nessa você deixou a desejar.

-Uma homenagem a um dos maiores gênios da linguística! Deixe-me apresenta-lo! Este é Ajani!

-Eu me lembro dele, você me apresentou a ele antes da guerra eclodir.

-Eu sei. Apenas duvidei que o álcool o deixara com as faculdades perfeitas.

-Um gelo e um fogo, isso é tão cliché!

-Entrem!

Gadget abre a escotilha, deixando o corpo de Elizabeth ao lado de fora. Bugarski ajuda Ice a se levantar e o leva para dentro, seguido de Esther e Ajani. Lá dentro, Ice é levado a enfermaria onde recebe um tratamento dentro de uma estufa que o cura em poucos instantes. Logo ele chega a uma sala onde estão sentados gadget, Bugarski, Burn e Esther.

-Tio Peter, quero o jogo da gatinha!

-Claro! Pode seguir pela direita, tem uma sala de jogos por lá.

Esther deixa a sala e Bugarski serve os quatro com generosas doses do uísque, sem gelo.

-Então, meu nobre búlgaro, o que veio fazer em minha residência?

-O de sempre. Rever um velho amigo, na data de aniversário do fim da guerra. Tomar um uísque, relembrar velhos casos e contar as novidades.

-E desistir de seu avanço ditatorial? Não seria um bom caminho?

-Não existe ditadura, isso é balela e você sabe disto!

-Balela é você dizer que só veio por isto.

-Sinto falta de conversar com alguém que se equipare a mim.

-Outra balela, você está muito abaixo.

-Há há há há! De fato. Estou recrutando mutantes para um projeto. Gostaria que me ajudasse.

-E isso envolve estes dois?

Bugarski olha para seu amigo, mostrando cumplicidade e simpatia.

-Touché!

-Pergunte a eles, não a mim. Eu estou dentro! Preciso de um trabalho de campo e, pela sua cara, sei que vai ser algo que vai mudar o mundo. Sinto falta de desafios!

- Garotos, preciso saber se posso contar com vocês. Eu sei que é estranho alguém pedir ajuda e querer uma resposta antes de revelar do que se trata, mas, infelizmente eu não posso falar ainda o que é e, quando eu revelar, quem, estiver presente já vai estar envolvido dos pés a cabeça no “problema”. Deixo claro, o risco de morte é iminente, mas, ao terminar esta “missão” vocês estarão melhor treinados do que são capazes de imaginar! Portanto, preciso de uma resposta! Ou sim, ou não.

- Sigam por ali e pensem a respeito, deixem-me a sós com Statainhoffen.

Gadget aponta em uma direção e Ajani e Hal seguem, chegando a uma grande sala de treinamento, altamente tecnológica, onde diversas pessoas treinam.



OBS: - Seguem neste episódios os jogadores Mímico, Rockfeller, Ouriço, Zeus,Ice e Burn.
-As regras de postagem seguem as mesmas, assim sendo, quando três jogadores efetuarem a postagem, os outros dois terão o prazo máximo de 24horas para efetuarem suas respectivas postagens.
-Ice e Burn jogam no mesmo arco, podem inventar treinos e dialogar entre si, caso queiram, postando mais de uma vez.
-Bom divertimento.

Voltar ao Topo Ir em baixo
Burn
Teen
Teen
avatar

Mensagens : 10
Data de inscrição : 08/03/2016

MensagemAssunto: Re: T5E02 - O Limite do Amanhã   Sex Jul 28, 2017 11:54 pm

Em um segundo o clima ameno da lugar a preocupação, com um disparo, uma criança correndo, um cara sendo ferido e uma velha espancada ! As coisas tem ficado bem estranhas. Jones Statäinhoffen, o Bugarski, a única pessoa da terra que não tenho uma opinião formada sobre.

Me mantenho calado, ate que dentro das instalações. Cara eu pensei que havia sido um tirinho de nada, e o moleque esta todo fudido. Vejo a tecnologia de regeneração, outro equipamento de aparência questionável mas de eficácia surpreendente. Ainda calado sigo para a sala onde conversaremos, ignorando as conversas comigo até chegar la.

O uísque é de um sabor bem acentuado. Não sou como esses bodes velhos e bebuns, tomo minha dose bem devagar, apreciando o sabor. Seguro o copo vazio com as duas mãos enquanto ouço o que Bugarski fala, quebrando meu silêncio neste momento.

Eu estava comentando isso com Mestre Peter antes de chegarmos, preciso aprimorar minhas habilidades, e concordo em participar, só não me peças para ir contra o que acredito.

Somos mandados a uma sala ao lado, a conversa agora não nos inclui, observo por uns instantes os que estão treinando. Para matar o tempo começo fazer "esculturas" de fogo, em um estilo bizarro como o dadaísmo.

Quando então cesso a arte e decido por questionar Hal

Quais serão esses planos que nos envolvem, sabe de algo ?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Rockefeller
Teen
Teen
avatar

Mensagens : 9
Data de inscrição : 14/02/2016
Idade : 28

MensagemAssunto: Re: T5E02 - O Limite do Amanhã   Sab Jul 29, 2017 12:28 am

Spark apesar de sua hiperatividade é uma pessoa que até o momento se demonstra de confiança e me da mais uma versão do que eu não sabia da história.

- Entendo... porem existe um erro, se ele chegou a esse ponto de conseguir tal feito foi porque vocês como equipe permitiram que ele alcançasse isso. Mas isso não importa mais. Na minha opinião já passou da hora de ele entender que existe uma oposição a isso e que essa oposição é forte.



- E um adendo. Ideologia por ideologia as vezes não importa quem está certo e sim quem estar discursando. E acredito que seja por medo... Pois “uma vida digna” é o mínimo que TODOS merecem. E quando eu digo TODOS eu incluo Humanos e Mutantes e não é isso que me parece acontecer.

Adentro mais a minha casa que está completamente desfigurada e isso me infla de mais raiva da atual situação.

- Spark, vc não entendeu... que cheguem “Os caras” quero muito saber que tipo de pessoa é Bugarski. E além do mais. Nem tudo está perdido... Chega ae acabei de me recordar de algo importante.


Levo Spark ao Bunker da Família...


- É aqui que a nostalgia vai bater... “
Voltar ao Topo Ir em baixo
Mimico
Teen
Teen
avatar

Mensagens : 10
Data de inscrição : 07/03/2016

Suprema Card
Nome Civil:
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T5E02 - O Limite do Amanhã   Sab Jul 29, 2017 10:06 am

Após ser convidado pela senhora adentro sua casa, mesmo com um sorriso no rosto permaneço alerta ao entrar vejo as fotos dos heróis e repito a reverência da senhora.

-Essas imagens estão autografadas, senhora tive uma inveja branca de seus quadros hahahaha

Após a senhora trazer bolo e café começo a comer


-Tem anos que não como um bolo de cenoura típico de avós hahahahaha,já falei que eu amo  a senhora


Escuto as palavras da senhora com sua apresentação

-E uma honra conhece-la senhora felicity todos me chamam de Mimico

Continuo a conversar com a senhora e dou a descrição de meu tio Carlos

-Mil desculpas senhora realmente me envergonho em dizer que não estou acostumado  com os costumes da U.M, mas não seja por isso sou um mimetizador,eu copio poderes memórias e algumas habilidades das pessoas.

Crio uma pequena quantidade de energia na mão e logo em seguida  a apago e usando meu isqueiro acendo uma pequena bola de fogo.

-Nesse momento posso manipular gás inflamável e também disparar energia
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ouriço
Teen
Teen


Mensagens : 10
Data de inscrição : 21/06/2017

MensagemAssunto: Re: T5E02 - O Limite do Amanhã   Sab Jul 29, 2017 10:35 am

O velho aperta minha mão, se apresenta como Frederic e senta sorridente na mesa , imediatamente penso " Frederic..... vou guardar esse nome ".
Ele levanta sua blusa e me mostra escamas por sua pele ; olho para as mesmas e o pergunto :

-Belas escamas. Mas qual seu poder meu velho?

Dou um sorriso e olho o velho de um jeito mais descontraído, mesmo não confiando nele ainda .

-Me diga , como soube que eu era um mutante ?

Digo isso colocando ninha mão sobre a mesa e a transformando em uma bola de espinhos e rapidamente a voltando ao normal.

Vejo o movimento do velho e movo um cavalo.

-Bem , o senhor é bem esperto Frederic , parece que te subestimei . Venceu todos ? Esta falando de xadrez neh ?

Dou um sorriso e o olho fixadamente nos olhos ; ele mostra um emblema que nunca tinha visto antes e me explica seu significado .

-Ss, com certeza você pode me ajudar , mas me mostra um emblema não me fará confiar em você . Me de uma prova real de confiança e te conto o por que da minha vinda .

Coloco os braços debaixo da mesa , e digito rápido,com cautela e sem chamar atenção" Você conhece um tal de Frederic? Um idoso com escamas na barriga ?" e envio para Titan .

Voltar ao Topo Ir em baixo
Zeus
Teen
Teen
avatar

Mensagens : 12
Data de inscrição : 10/11/2014

Suprema Card
Nome Civil: Liam Malkov
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T5E02 - O Limite do Amanhã   Sab Jul 29, 2017 11:30 am

Mesmo com toda dor infligida pelo casal procuro ignorar a dor que me causaram e canalizar mesmo que um pouco da energia elétrica que percorria meu corpo e a direciono para a mulher visando acertá-la.

Paro um pouco e analiso a situação ao meu redor, tentando localizar falhas no solo, postura ou terreno em
geral.

Avanço na direção da mulher com um soco armado, pronto para acertar, mas fico esperando atentamente que está grite para tentar acumular a energia de seus gritos para meu proveito.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ice
Teen
Teen
avatar

Mensagens : 9
Data de inscrição : 15/09/2016

MensagemAssunto: Re: T5E02 - O Limite do Amanhã   Sab Jul 29, 2017 1:12 pm

Me sinto péssimo comigo mesmo, por não conseguir reagir em tempo hábil, e agora do chão com um ferimento percebo o que realmente aconteceu, Gadge aparece com um garoto da minha idade e se junta a Bugarski, apesar do ferimento hoje deve ser o meu dia de sorte.

Vamos até o laboratório do alemão, ele me envia a uma câmera e me cura do ferimento, não compreendo perfeitamente como isso foi possível, mas me sinto totalmente curado.

Vou ao encontro dos outros após receber a alta, encontro-os e escuto a conversa entre os dois antigos membros da All Star, recebo um copo de uísque e topo, sinto o meu peito se esquentar, é uma sensação que não experimentava a tempos, não muito confortante, diga-se de passagem, ao menos para minha pessoa, porém é inegável o sabor desse liquido.

Ouso com atenção a conversa até que Bugarski nos indaga, eu acento positivamente com a cabeça para a sua pergunto, após ver que o líder dos Pacificadores concorda com a “missão”.

Sigo o caminho indicado por Gadget junto com Ajani.

Após um tempo vendo os treinamentos ele me dirige a palavra então o respondo:

- Não faço ideia, porém mal posso esperar para saber o que faria a U. M. e os Pacificadores trabalharem em conjunto?

-Por falar nisso Ajani, você é um membro dos Pacificadores?

Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: T5E02 - O Limite do Amanhã   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
T5E02 - O Limite do Amanhã
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» O Preço do Amanhã
» Mudanças no Limite de Boost nos pokemons para +500
» Teste para filhos de Hades
» [VB6] Valor maior que o da variável Long
» Tutorial - Full map (80%)

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Geração Suprema :: Geração Suprema - RPG :: 5° Temporada-
Ir para: