Geração Suprema


Antes da criação temos a Destruição.
 
PortalInícioRegistrar-seConectar-seFAQBuscar

Compartilhe | 
 

 T4E12 - Negócios

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : 1, 2  Seguinte
AutorMensagem
Suprema
Administrador
Administrador
avatar

Mensagens : 614
Data de inscrição : 06/08/2013
Idade : 28
Localização : Belo Horizonte

Suprema Card
Nome Civil: Joana Novaes
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: T4E12 - Negócios   Seg Mar 16, 2015 12:03 am

Uma chuva forte cai sob a capital mineira, as ruas vazias, como o novo decreto do presidente sugeria, viram um movimento atípico, em uma das ruas escuras duas figuras cortam a chuva se esgueirando pelas sombras até serem parados por dois Guardiões.
 
OS guardiões são arremessados contra uma parede lateral quando das sombras surge dois olhos brancos que dizem:
 
-Porque não os destruiu Phobus? Perdeu seus poderem de demônio?
 
-Não me venha com piadas Tornado, você disse que tinha a localização dele, é verdade?
 
-Primeiro que é esse aí? –Segundo você tem que aprender a confiar mais em mim...
 
-Ela é uma velha conhecida de você, só não a reconheceu porque sua mente esta sendo moldada estúpido.
 
-Pare com isso Scarlet...
 
TEENIMAC
 
O dia começou agitado no gabinete de Bugarski, os CANFORAS se reuniram para informar sua partida da cidade, a voz de Suprema é a escolhida para tarefa:
 
-Jones, primeiramente agradeço a você pelo convite de nos estabelecermos aqui, sei que isso é a realização de um sonho seu, mesmo que isso não me agrade, porém somente Teenimac não será a solução do fim a caçada contra a nossa raça, por isso nós decidimos partir pelo mundo ajudando mais vítimas, pois pelo que vi vocês estão agindo somente em território nacional. Partiremos em duas horas, só lhe peço uma coisa, não avise aos demais.
 
Os CANFORAS após as despedidas, saem do gabinete do mandatário e logo partem. Na sequência, Theo entra na sala e diz:
 
-Acharam meu filho Jones, estarei embarcando em instantes para resgatá-lo, vim lhe informar e isso e dizer que peguei um dos Cánarios emprestado.
 
Quatro horas após sua partida (partida de Spark), o monitor de Bugarski o informa a chamada de uma as fronteiras.
 
Senhor, estamos sob ataque a sudoeste, bem na parte em que estamos reformando o muro, parece que são rebeldes mutantes, repito mutantes.
 
Em instantes todos são chamados a o gabinete de onde Bugarski os informa os ocorridos.
 
OBS: *Primeira postagem destinadas a desenvolver/contar o que fizeram após a batalha contra Arcebispo (ocorrida a duas semanas) e criação da estratégia de ataque contra os “invasores”, sabe-se que são mutantes e poucos.
 

*Postagens deveram ser feitas até as 18hs de terça dia 17/03. 


Última edição por Suprema em Seg Mar 16, 2015 5:41 pm, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://geracaosuprema.forumeiros.com
Krisys
Membro
Membro
avatar

Mensagens : 241
Data de inscrição : 24/06/2014
Idade : 20

Suprema Card
Nome Civil: Kisen Kiya
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E12 - Negócios   Seg Mar 16, 2015 11:03 am

Apos o incidente permaneci ao lado de Peter, o vigiando, sei como ele é, não o deixaria voltar para o local da luta para pesquisar, ao menos não sozinho. Então quando ele estivesse melhor e desistisse das ideias partiria para um local dentro de Teenimac onde começaria a fazer um teste de aplicação de velocidade, claro iria pedir ajuda a Peter para entender melhor a mecânica da velocidade

*Espero que os deuses me iluminem*
Voltar ao Topo Ir em baixo
Gadget
Membro
Membro
avatar

Mensagens : 526
Data de inscrição : 18/08/2013
Idade : 29

Suprema Card
Nome Civil: Peter Heinz
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E12 - Negócios   Seg Mar 16, 2015 11:18 am

Por mais incrível que pareça passo os dias sem me preocupar com Arcebispo, mas algo me intriga muito, as peças deixadas por Leonardo da Vinci, são inúmeras pistas entre outras coisas, mas não posso buscar tais peças sozinho. Recebo os cuidados de Kiya, ela se tornou uma ótima medica nesse período, gostaria de ter tais mãos cuidando de mim outras vezes, mas agora é diferente, ela me pede ajuda em relação a testes com velocidade.

Força é um dos conceitos fundamentais da Física newtoniana. Relacionado com as três leis de Newton, originalmente força é igual massa vezes aceleração (F = m.a) um você tem o outro precisa, não pense que será fácil, depois posso até montar algo para você, mas seu corpo precisa se acostumar a sua velocidade e sua massa, por mais forte que você possa ser com isso, tem que saber seu limite, você não é imune ao impacto, se tivesse a resistência de Nero quem sabe poderia aplicar golpes catastróficos, vamos começar do básico, vamos medir sua velocidade

Ativo no traje uma forma de contador de velocidade, semelhante ao dos radares presentes nas rodovias, e peço então para que Kiya corra em um determinado percurso que registrarei sua velocidade

_________________
ITENS:
 



A mente que se abre a uma nova idéia jamais voltará ao seu tamanho original.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Bugarski
Administrador
Administrador
avatar

Mensagens : 638
Data de inscrição : 15/08/2013

Suprema Card
Nome Civil: Jones Statäinhoffen
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E12 - Negócios   Seg Mar 16, 2015 3:39 pm

As duas semanas após o incidente contra o Arcebispo são proveitosas a ponto de não ver o tempo passar.

Sabendo que Teenimac não está mais tão protegida decido aproveitar estas semanas para ficar com as minhas duas Esther. Kaboom é uma mulher maravilhosa, que muito me ajuda em tudo. Já minha pequena não para de crescer e descobrir o mundo, mostrando uma aptidão energética absoluta, em poucos anos pode se tornar a maior mutante do mundo. Assim, curtindo minha família, passo meus dias, mesmo tendo que trabalhar.

Mas as duas semanas passam e eu tenho que resolver burocracias. Suprema, sendo a porta voz dos Canforas, anuncia a saída deles de Teenimac. Entendo perfeitamente o motivo e tenho que parabeniza-los:

-Então vocês vão voltar... Fico imensamente feliz com a noticia e orgulhoso de ser filho e aluno de vocês. Mantenham contato, irão fazer falta.

Surpreendo Suprema e meu pai com um abraço terno. Sei que aquela não será nossa ultima vez juntos mas guardo muito carinho pelos dois, apesar das diferenças. Logo após a despedida, Spark nos dá uma ótima notícia.

-Não precisava nem pedir mano! Pegue a Canário e traga seu filho! Vai ser um prazer ver ele bem, protegido. Possi ser padrinho?

Tudo acontece muito rápido!

Primeiro despedidas, agora um ataque e de mutantes! Teeninac é a terra dos mutantes, não a terra da guerra entre eles! Convoco todos para iniciar uma contra ofensiva:

-Pessoal, não poderemos contar com Spark ou os Canforas agora, depois conversamos sobre os motivos. Estamos sendo atacados e não podemos deixar isso ocorrer. Blood, preciso de seus relatórios sobre a fronteira, tudo o que puder nos dar. Hagi, quero que me informe as capacidades dos mutantes. O restante, vamos fazer uma surpresa. Titan, Kaboom,Tremor, Blood Ice e eu vamos como a linha da frente. Chamamos a atenção dos inimigos. O restante deve usar de suas habilidades para surpreender. Quem voar utilize a camuflagem aérea. Jinx leva Nexus consigo. Krisys deve fazer uma varredura para descobrir possíveis armadilhas e Eagle se posiciona em algum de nossos muros, leve munição extra. Agora vamos!

Parto frontalmente para a zona de conflito, preparando-me para um diálogo, mesmo que pretenda subjuga-los antes das perguntas.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Titan
Administrador
Administrador
avatar

Mensagens : 470
Data de inscrição : 11/08/2013
Idade : 28

Suprema Card
Nome Civil: Nero
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E12 - Negócios   Seg Mar 16, 2015 3:56 pm

Titan após vencer o inimigo procura sua arma para compor sua coleção.

Durante as semanas que se passam em Tenimac Titan  procura Roger para Treinar e criar mais defesas para a cidade

-Ae Roger seu puto, estava pensando uma parada ja que geral sabe onde estamos não é melhor aumentar as defesas e treinar a população, tipo vamos ensinar o fundamental de alguns estilos e surpreender algum invasor ,é tipo quando eles tentavam invadir templos shalolin's.

Titan aproveita aa folgas do treinamento e procura Celine sempre que possível

-Celine anjo de Tenimac estava pensando uma coisa, você não gostaria de me acompanh...quer dizer acompanhar a equipe toda em missão porquê com você la eu fica...assim não so eu todo o time ficaria feliz em ter sua ajuda, e te garanto que vou te proteger... eu e os outros quero dizer

*carai porquê estou travando tanto para falar com ela*

Titan está treinando quando recebe o chamado para ir ao gabinete, ao chegar Titan escuta sobre os invasores

-então mano Jones qual o plano cair matando e esmagar o inimigo que mexeu com nossa cidade?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Jinx
Membro
Membro
avatar

Mensagens : 119
Data de inscrição : 11/08/2014
Idade : 19

Suprema Card
Nome Civil: Giovanna Marcelly
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E12 - Negócios   Seg Mar 16, 2015 8:31 pm

Tiro bom proveito da folga que tivemos, já que quase nunca acontece. Termino de ler um livro e aproveito o tempo livre para praticar com minha arma. Havia conseguido uma metralhadora de um Guardião em algumas missões atrás, mas a ultima vez que tentei usá-la, errei todos os tiros miseravelmente, por isso queria ter certeza de não deixa-la apenas como um objeto inútil. No meio desse mesmo treinamento, sou chamada para uma reunião, guardo a arma e murmuro em insatisfação.

-Lá vamos nós.

Burgarski assume a liderança, eu invejava o jeito que ele dava ordens, já que meus meses como líder dos Infiltrators não deram em nada. Isso me lembrava que eu não havia conseguido mudar esse nome. Apenas mais uma coisa para colocar no meu currículo. Jones manda o plano e me diz para levar Nexus comigo. O alarme se tratava de uma nova invasão, dessa vez de outros Mutantes, o que não faz muito sentido, mas como ultimamente nada fazia sentido, apenas aceitei.

*Pera, levar pra onde?*


Ele parte contra os invasores, mas como não da nenhum sinal provavelmente vai tentar conversar. Apoio meu braço no ombro de Nexus e digo para ele.

-Ouviu né homem-borracha? Fica por perto.

_________________
Mudei de novo sim! E se reclamar mudo outra vez <3:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Blood Ice
Membro
Membro
avatar

Mensagens : 421
Data de inscrição : 19/08/2013
Idade : 26

Suprema Card
Nome Civil: Hugh Irenia
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E12 - Negócios   Seg Mar 16, 2015 10:32 pm

Apos o fim da campanha contra a igreja, voltamos para cidade, la me afasto por dois dias descansando e logo em seguida, volta a pegar os relatórios diários das fronteira , após colocar tudo em ordem, chamo cora para me ajudar no meu treinamento, peço que use o fogo para posso treinar minha resistência, faço isso diariamente junto com treinamentos de lutas no Templo.
Apos ser chamado por Jones onde e passado que uma das minhas Fronteira estão sendo atacada, respondo ao mesmo buscando todo os relatório e mapas do local que estão sobre minha posse devido ao meu cargo de ministro da fronteira, passando para ele.

Jones, aqui esta tudo que tenho dela.
Damiani como você esta a cargo da segurança peço que apos o final desse batalha coloquemos mas guardas na fronteira.


Apresento a Jones o mapas e locais onde possamos traçar um plano de ataque e para a invasão.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Nexus
Membro
Membro
avatar

Mensagens : 161
Data de inscrição : 26/06/2014
Idade : 19

MensagemAssunto: Re: T4E12 - Negócios   Ter Mar 17, 2015 4:53 pm

Depois da luta contra o Arcebispo passei os dias seguintes treinando e aprendendo mais sobre minhas próprias habilidades, e realizando trabalhos de segurança no TEENIMAC.
Tudo segue bem pra mim até que sou chamado por Burgarski ao seu gabinete. Pela explicação que o bêbado dá, aparentemente estamos sobre ataque.

Fico ao lado de Jinx esperando que ela me teleporte e encarando a garota que parece estar interessada no meu corpo gostoso.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Suporte
Moderador
Moderador
avatar

Mensagens : 289
Data de inscrição : 11/10/2013

Suprema Card
Nome Civil: John Mycroft
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E12 - Negócios   Ter Mar 17, 2015 4:59 pm

Proveitosa e prazerosa são sinônimos que não cabem nesses 14 dias que passaram rapidamente e fugazmente. Ainda tenho as cicatrizes em minhas costas que percorrem a totalidade de minha carne. Relembrando dos sacrifícios que tive que fazer para chegar em minha posição de relativo poder e controle. Tenho marcas remanescentes, trazendo sem a tona os meus erros. Não me deixando um momento sequer esquecer o que eu perdi nessa linha de causalidade, não me deixando apagar a culpa que tenho de muitos atos do passado e do presente. Esse sou eu, refletindo silenciosamente em meu quarto.
Esse sou eu, sem camisa em meus próprios aposentos. Músculos definidos eu não tenho para exibir, há não ser a escassa massa muscular que desenvolvida após tantas missões e treinamentos diários durante todos esses anos. Estou sentando em minha própria cama, vendo perdidamente o próprio solo que pisei desesperadamente insano nessas ultimas semanas. É ridiculamente fácil esconder minha instável condição do mundo exterior. É tão simples colocar uma mascara invisível de seriedade e profissionalismo, ocultando a instabilidade e insanidade que está me ditando silenciosamente nos pensamentos. Ás vezes, podemos ser apenas aquilo que outros percebem de nós, aquilo que os outros determinam o aceitam que nós somos.
Esse sou eu, uma prova viva dessa sentença mental. Olhando delicadamente e caladamente ao meu redor. Observando os papéis que são os meus relatórios, bagunçados e sem uma ordem colocada e determinada. Confusos, como o resto de meu quarto. Mesas fora do lugar, cadeiras derrubas e quebradas. Fotografias rasgadas, caídas em um chão velho e carente de limpeza há, no mínimo, seis dias. Isso é aonde vivo, a representação da minha psique nessa realidade física. Esse sou eu, esperando ansiosamente e enternecedoramente aguardando o momento que Ela irá aparecer, sugar o restante de lucidez que me resta aqui.
Esse sou eu, aquele que andou lentamente e sucessivamente. Atravessou esse cenário normalmente e agora, está se olhando em um espelho arcaico, um vidro que só um sopro já poderia arruína – ló em pedaços. Aqui estou parado, lembrando – me do passado. Relembrando do aroma do fogo que consumiu minha família e dos descontroles que destruiu tantas vidas. Aqui está minha expressão, fria e, paradoxalmente, emotiva se olhando sem parar. Quase como se pudesse ver um fantasma, quase como se tocasse em algo intocável. Isso é o que sinto todos esses dias, essa insanidade tomando conta de minha lógica e coesão.
Eu olho, olho fixamente para o espelho. Tenho a impressão de vê - lá, com seus cabelos negros longos e olhos acinzentados por um instante. Sua pele pálida quente mais uma vez. A voz suave, e as vezes, provocativa que tinha. Entretanto, era tudo miragens de minha mente doentia. O seu reflexo desaparece rapidamente no espelho e eu também saio, ao receber um alarme. me preparando para mais uma possível missão ou reunião. Após me vestir, tranco a porta de meus aposentos mudamente e vou em direção ao chamado analiticamente e friamente como sempre.
Ao ouvir as palavras do líder, viso silenciosamente ver os sistemas de segurança em busca de dados. Tentando ver, caso tenha câmeras, número de atacantes e habilidades usadas no ataque. Também visaria analisar os relatórios da fronteira em busca de informações, caso fosse permitido. Por fim, no local da invasão, tentaria ficar em um lugar sem ser notado. Observando e analisando detalhadamente todo o campo.

Voltar ao Topo Ir em baixo
Suprema
Administrador
Administrador
avatar

Mensagens : 614
Data de inscrição : 06/08/2013
Idade : 28
Localização : Belo Horizonte

Suprema Card
Nome Civil: Joana Novaes
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E12 - Negócios   Qua Mar 18, 2015 12:25 am

CHUVA EM BH:
 
 
SPARK NO JAPÃO:
 
 
TEENIMAC
 
Após semanas de tranqüilidade, onde alguns treinam suas técnicas de lutas, poderes e tomam contas de seus deveres como membros do governo de Teenimac e outros simplesmente descansam ou tem suas mentes dominadas por lembranças, a eminência de um ataque surge o que obriga o mandatário a chamar os seus companheiros.
 
Após o chamado de Jones todos se encontram na sala, com exceção de Damiani que segue internado após os danos sofridos na última missão, o plano é traçado após a entrega dos relatórios de Hugh e todos partem para os seus postos, a equipe principal espera por relatórios de Krisys, menos Suporte que com imagens das câmeras de segurança do local sabe que os inimigos estão em oito ao total.
 
A garota agindo como uma batedora dá a volta pelo flanco inimigo e consegue contar cerca de três grandes criaturas que atacam os muros, sendo seguidos por cerca de quatro pessoas diferentes, trajadas com capas e sobretudos. Ela repassa a informação ao grupo e se prepara para retirada, quando é golpeada fortemente e se vê de costas ao chão, a sua frente um homem sorridente trajando vestes verdes diz:
 
-Quase tão rápida quanto eu...
 
A postos, Eagle que trás contigo uma grande quantidade de flechas, consegue enxergar o que aconteceu a Kiya e avisa aos demais, ela também vê um dos quatro mais ao centro, pelo seu ar ele pode ser o líder. Suporte está em uma parte do muro observando escondido os acontecimentos.
 
Pedras voam contra o muro que desaba, a fumaça que se forma deixa a cena hollywoodiana , e seu ápice chega quando do meio dela surge a linha de frente defensora, liderados por Bugarski, Gadget  está do auto observando o campo de batalha, ele vê que os inimigos estão em V, o que os garotos do chão não têm ciência.
 
A tensão aumenta ainda mais, quando o silêncio é cortado pelo sujeito ao centro.
 
-Desconfiava que encontraria gente forte aqui, só não contava que seria a famosa All Star... Me pergunto o porque fugiram até hoje? Me pergunto o porque nos deixaram para morrer?
 
A sua direita um homem com um tapa olho vê a cena com ar de poucos amigos, ele está lado a lado à uma mulher esquia com a pele cor de jambo, a esquerda um arqueiro esta a postos.
 
-Creio que o primeiro movimento tenha sido meu, caro Bugarski, porém tomo novamente o seu turno...  Arco, Grog, Vorx...
 
Nesse momento os três Gigantes se projetam contra o grupo, enquanto Vorx de Verde paga Kiya pelo pé e a arremessa na direção de Gadget. Um dos Gigantes acerta o chão, levantando uma porção de terra que derruba Tremor, nada grave visto a seu domínio do terreno. O segundo em um salto é seguro pelo braço por Titan, eles estão frente a frente. O terceiro segura o braço de Kaboom e a joga contra uma pilha de escombros.
 
Arco vendo Eagle iniciaria o ataque dispara em uma velocidade absurda duas flechas de impacto que acertam contra o ombro e tórax da garota  deixando dolorida ao chão bem próximo onde Suporte está.
 

Os outros três permanecem imóveis, frente a frente com Jinx, Nexus, Blood e Bugarski.

OBS: AS POSTAGENS DEVEM SER FEITAS ATÉ AS 11HS DE QUINTA DIA 19/03
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://geracaosuprema.forumeiros.com
Bugarski
Administrador
Administrador
avatar

Mensagens : 638
Data de inscrição : 15/08/2013

Suprema Card
Nome Civil: Jones Statäinhoffen
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E12 - Negócios   Qua Mar 18, 2015 5:27 pm

-Vocês vêm a minha casa, não me trazem um presente e ainda assim se julgam no direito de nos acusar e atacar? Esses não são modos de se iniciar um dialogo!

Eu construi esses muros com o auxílio de Nero e Evans portanto sei o quão revestidos de metal eles são. Manipulo então os escombros com pericia, dispondo-os sobre as cabeças dos invasores e retirando os próximos de Kaboom com cautela.

-Satisfeitos com seus dois turnos de vantagem? Hora de igualar as coisas! Ao ataque Teenimac!

Faço "chover" escombros nos inimigos, seguindo de disparos magnéticos para atordoar os oponentes.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Titan
Administrador
Administrador
avatar

Mensagens : 470
Data de inscrição : 11/08/2013
Idade : 28

Suprema Card
Nome Civil: Nero
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E12 - Negócios   Qua Mar 18, 2015 6:57 pm

Titan escuta as palavras do inimigo

-Cara na boa você comeu bosta ou está usando a erva batizada do vulpine aqui em Teenimac as portas estão sempre abertas para novos mutantes e humanos ou você acha que plantamos a população e ela cresceu em uma árvore de gente, se você não consegui achar ninguém para te indicar Teenimac acho que o problema é você na boa.

Titan após ver a ação do grupo de invasores.

-Caras não seria melhor resolver isso bebendo não, afinal vocês estão atacando nossa casa isso é suicídio.

Titan vê a reação de Jones e logo em seguida escuta sua ordem

-Viu so eu falei que era suicídio.

Titan que está frente a frente com o inimigo que segurou aproveita do contato para aplicar uma derrubada de judo e depois partir com golpes de boxe tentando sempre que possível usar chutes de Taekwondo para desestabilizar o oponente.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Blood Ice
Membro
Membro
avatar

Mensagens : 421
Data de inscrição : 19/08/2013
Idade : 26

Suprema Card
Nome Civil: Hugh Irenia
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E12 - Negócios   Qua Mar 18, 2015 10:34 pm

Porrar, tão querendo fazer festa na fronteira, esse cara iram morrer...

Jinx, vamos fazer um combo e tirar essa mulher da joga.

Confiando na ação de jinx, me coloco em movimento congelando o meu corpo e partido no ataque contra a mulher, usando rajadas de gelo para aproximar da mesma, sempre em sinal de alerta para ataques e quando tiver a primeira breja uso técnicas de lutas aprendidas sempre usando o fator gelo para congelar as parte que acerta.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Tremor
Membro
Membro
avatar

Mensagens : 259
Data de inscrição : 17/08/2013
Idade : 29
Localização : BELO HORIZONTE

Suprema Card
Nome Civil: Gregório Martinez
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E12 - Negócios   Qua Mar 18, 2015 11:13 pm

Tava tudo bem até esses ai aparacem, estava tudo bem eu colocando minhas orações e rezas em dia, ai o búlgaro nos chama para proteger teenimac.
_ Esses ai perderam a noção do perigo Negão, mas quem sou eu pra tentar entender as pessoas, se eles querem entrar eles poderiam pelo menos pedir pra entrar.
Sou derrubado por uma porção de terra por um ataque de força de um dos gigantes, manípulo uma porção de terra ao redor do adversário fazendo uma barreira ao redor dele, e faco a tempestade de areia apenas dentro do espaço aonde ele se encontra e com os dois muros no momento exato golpeio a cabeça do inimigo com toda força fazendo com a barreira vá para a centro ao encontro da cabeça do inimigo com toda a força.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Nexus
Membro
Membro
avatar

Mensagens : 161
Data de inscrição : 26/06/2014
Idade : 19

MensagemAssunto: Re: T4E12 - Negócios   Qui Mar 19, 2015 5:28 am

Estava mais para uma guerra, o Teenimac passou muito tempo em paz desde o ultimo ataque, mas este agora estava mais para uma guerra.
Espero Jinx me teleportar para segurar com minhas mãos os meus pés e em seguida tentar rolar como um pneu até o homem do tapa olho e tentar atingi-lo com minha força e velocidade.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Jinx
Membro
Membro
avatar

Mensagens : 119
Data de inscrição : 11/08/2014
Idade : 19

Suprema Card
Nome Civil: Giovanna Marcelly
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E12 - Negócios   Qui Mar 19, 2015 9:06 am

Vários inimigos aparecem, gigantes, mutantes, e três pessoas aparentemente liderando todos eles, Blood Ice sugere um combo para acabar com uma delas.

-Pode deixar.


Quando percebo que ele se prepara para atacar, crio um portal na sua frente para levá-lo até a mulher de pele avermelhada. Nexus, que estava do meu lado começa a se esticar, ele permanece em silêncio mas tenho quase certeza de que deveria teleportá-lo, e então o faço. Espero ele começar a rolar, e quando pegar velocidade suficiente, ao mesmo tempo que perceberia seu alvo, o teletransportaria logo acima do mesmo.

*Bom, já que ninguém quer.*

Seria extremamente perigoso deixar um atirador de longa distância livre para atacar, e como ninguém no meu time parece perceber isso, crio um último portal na minha frente, que leva até as costas do Arqueiro. Uso minha arma e atiro no portal, fechando-o antes que o inimigo pudesse usa-lo.

_________________
Mudei de novo sim! E se reclamar mudo outra vez <3:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Gadget
Membro
Membro
avatar

Mensagens : 526
Data de inscrição : 18/08/2013
Idade : 29

Suprema Card
Nome Civil: Peter Heinz
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E12 - Negócios   Qui Mar 19, 2015 9:15 am

Pessoal, eles estão em uma formação em V, cuidado, devem ter uma estrategia

Então vejo Kiya sendo arremessada a mim, a pego com delicadeza a mantendo junto do meu corpo até colocá-la no chão, em segurança

*Vou ficar devendo um beijo*

Uso então minha Aprendizagem instantânea para definir as habilidades dos nossos atacantes, conheço Teenimac, lutei nesta região e venho "morando" aqui a um certo tempo, munido de minha percepção altamente refinada, começo a tracejar os possíveis movimentos do homem de verde, em minha mente isso não levou mais do que alguns milésimos de segundo já que pre-defini as capacidades do mesmo, acrescento Krisys em minha equação também calculando o que é possível que ela faça então com um dos meus canhões disparo contra o homem, utilizando a carga que tiver maior efeito contra ele e que ao mesmo tempo não atinja Krisys.

*Nota mental, criar um sistema de segurança para as fronteiras de Blood*

_________________
ITENS:
 



A mente que se abre a uma nova idéia jamais voltará ao seu tamanho original.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Krisys
Membro
Membro
avatar

Mensagens : 241
Data de inscrição : 24/06/2014
Idade : 20

Suprema Card
Nome Civil: Kisen Kiya
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E12 - Negócios   Qui Mar 19, 2015 9:35 am

Apos servir de "batedora" e receber um golpe, mas vejo quando sou jogada, mas sou pega pelo senhor Peter

*Que os deuses o abençoem*

Ele me coloca em segurança no chão, vejo então o homem que me atacou, e se compara comigo em velocidade, até hoje o único homem tão rápido quanto eu que vi foi o Senhor Theo, desde a luta no coliseu me sinto mais confiante em meus poderes. Preparo uma corrida ao redor do homem que me arremessou, mas usando minha velocidade e as arvores do local misturadas as minhas ilusões e visão slow motion abro espaços para golpes certeiros de Taekwondo.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Suporte
Moderador
Moderador
avatar

Mensagens : 289
Data de inscrição : 11/10/2013

Suprema Card
Nome Civil: John Mycroft
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E12 - Negócios   Qui Mar 19, 2015 9:50 am

A fumaça irrita meus olhos por alguns instantes apenas, uma causalidade que rapidamente representou a entrada daqueles que faltavam na situação. O muro desaba as poucos, é impossível definir precisamente o quanto sua estrutura restante suportará de investidas. Porém, nem de longe esse é o interessante na questão ou mesmo é sua prioridade. Existe algo estranho aqui, meus instintos de detetive dizem isso. Entretanto, prefiro confiar na lógica sobre isso.
Não partir diretamente tem suas vantagens, seja para manter minha integridade física intacta ou me permitir analisar o quaro geral sem ser notado. Meus olhos passam discretamente pelo eventos, assistindo silenciosamente o desenrolar desse xadrez em desvantagem e ouvindo atentamente frio as primeiras palavras que tiveram coragem de sair de uma boca até então desconhecida para minha pessoa. São muitas conexões, coincidências demais para simplesmente ignorar.
* Fato primário, sua estratégia ofensiva se iniciou diretamente no muro que era o elo mais fraco da equação. A possibilidade de ter a sorte de encontra - ló primeiramente existe. Porém, a sorte é um elemento variável e momentâneo, naturalmente não eliminado a possibilidade de terem recebido informação interna.  Um tese digna de notoriedade, principalmente quando considero uma segunda evidência: Aparentemente, nenhum membro do grupo de Metallica está presente, pelo seu próprio perfil, esperava que alguns deles quisessem a emoção e adrenalina de deter invasores. Entretanto, apesar de tudo que penso, ainda não confio neles.  Ela pode ser irmã de minha amiga, minha falecida companheira pode ter realmente amado ela. Por quando, eu não tenho confiança neles, em nenhum deles.  Ao meu ver, sua ausência poderia significar tanto terem dado o conhecimento de nossa localização, a posição da entrada mais fragilizada e o momento aonde o telecinético não seria um obstaculo. Obviamente, a espaço para outras teorias. Uma vez que não tenho ciência exata do que o ultimo espião possa ter comunicado aos seus superiores. Um fato curioso, é que, aparentemente, alguns membros tem habilidades similares a alguns elementos nossos, como por exemplo um arqueiro. Embora, isso não seja necessariamente importante ou um fato real. Apenas e exclusivamente uma suposição.*        
Meu raciono é quebrado empiricamente quando um som de impacto bate em meus ouvidos. Minhas costas, então encostadas calmamente atrás de um pedaço do muro, percebem quando, pelo canto de meu olho de maneira discreta, visava analisar a condição da arqueira. Até o momento, caída ao chão. Sem mostrar qualquer expressão detectável em minha face, decido usar um pouco de minha energia para manter - me vigilante sobre a arqueira. Só como uma maneira de tentar confiar que está em condições de retornar ao tabuleiro sem a necessidade de auxílios externos. Em seguida, calmamente, tento focar meus poderes em detectar tecnologias próximas, mais precisamente, as que pudessem está presente no sistema regulador de flechas do arqueiro adversário.
Visando não chamar atenção, concentraria em fazer algo parecido com os meus atos no coliseu. Caso alguma tecnologia reguladora de tempo e ativação de flechas especiais fosse detectada no inimigo, determinadamente e concentradamente visaria ativar algumas de suas flechas especias (Em particular, elétricas e de gás e qualquer outra que não fosse explosiva) e tentaria deligar a parte de seu sistema que identificasse que precisasse de tempo ou impacto para completar a ação dessas flechas. Em tese, fazendo isso, para eliminar o oponente com sua própria munição.
Independente disso funcionar corretamente ou não, se a arqueira deitada ao solo não mostrasse reação. Esperaria um momento cauteloso, para tentar carrega - lá, ou arrasta - lá caso não tivesse força muscular suficiente, para trás de algum pedaço de muro. Com o intuito de deixa - lá em segurança e incapaz de se tornar uma desvantagem no fogo cruzado. No fim, tento me locomover de forma discreta e fugaz para o próximo pedaço escondido de muro, com o objetivo de deixar minha posição complexa de ser encontrada e determinada com precisão nesse cenário. Sempre tentando observar atentamente e com cuidado os arredores.
* Achei que fossem oito, tenho impressão que notei sete presencialmente. Posso está enganado embora. é muito possivel que seja essa opção. Para todos os efeitos, um interrogatório seria apreciados após a totalidade dessa violência, conhecimento é poder na resultante. Porém, acho que, considerando a importância politica da fronteira, politicamente e militarmente, um sistema de segurança seria recomendado logicamente.*    
Voltar ao Topo Ir em baixo
Eagle Eyes
Membro
Membro
avatar

Mensagens : 180
Data de inscrição : 24/06/2014

MensagemAssunto: Re: T4E12 - Negócios   Qui Mar 19, 2015 11:19 am

Recebo dois disparos e caio ao chão com dores no tórax e ombro, me levanto determinada a descontar o ataque.

Disparo contra ele duas vezes a mesma sequência que ele me atacou, espero desta forma ludibriar-lo com a primeira sequência e acerta-lo com a segunda.

_________________
Ficha Herói:
 


Imagem:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Suprema
Administrador
Administrador
avatar

Mensagens : 614
Data de inscrição : 06/08/2013
Idade : 28
Localização : Belo Horizonte

Suprema Card
Nome Civil: Joana Novaes
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E12 - Negócios   Qui Mar 19, 2015 11:27 pm

CHUVA EM BH:
 
 
SPARK NO JAPÃO:
 
 
TEENIMAC


Na fronteira os eventos continuam, com os embates tomando forma. Bugarski retira o máximo de metal dos escombros, tomando cuidado para não atingir Kaboom que se encontra próxima a pilha, ele então posiciona os destroços metálicos sobre o grupo atacante e, literalmente, faz chover destroços em seu ataque.
 
Vendo a desvantagem que se encontrara Grav  mostra as mãos ao búlgaro e as levanta em direção a chuva, inesperadamente todos os destroços começam a flutuar, ele olha para Bugarski e diz após fazer todos os destroços subirem a uma altura considerável:
 
-Notou como você está mais pesado?
 
Nesse instante Bugarski começa a sentir seu peso praticamente duplicar, o chão abaixo de seus pés começa a trincar com o seu novo peso, o búlgaro sente o poder constante de Grav sobre ele.
 
Titan aproveitando a situação aplica um golpe de judô em seu oponente que cai com força ao chão, ele tenta se desvencilhar de um Nero que se desenvolvera mais ainda nessa arte e não da espaço ao inimigo. Com muito esforço Grog se desprende de Titan mais vê o grandalão lhe aplicar um chute, no momento do impacto uma cópia de Grog sai de seu corpo sem vida e se levanta acertando um soco em Titan que não esperava pelo golpe.
 
Tremor também atacado por um Grog cria um circulo ao entorno do inimigo fazendo uma tempestade de areia lá dentro, para finalizar o ataque Gregório projeta uma porção de terra com muita força contra a cabeça do inimigo, no momento do impacto o mesmo acontece com o Grog de tremor, ele se multiplica e deixa um corpo moribundo. Rapidamente ele lança contra Tremor um bloco de terra maciço.
 
Ainda do chão Kaboom não vê a investida do ultimo Grog que a acerta com um potente chute, a primeira dama de Teenimac é alçada para o alto e cai sobre uma pilha de escombros mais acima, ela se encontra agora na altura do tórax do grandalhão, que parte em sua direção, as dores tomam conta do corpo de Esther que cospe um pouco de sangue.
 
Blood parte tomando sua forma de gelo, ele olha para Jinx esperando que a garota entenda o recado, e assim ela o faz, o transportado para próximo a mulher que se assusta mais consegue se defender do primeiro ataque, Hugh continua a investida congelando a mulher a cada contato, quando o braço de Spay está completamente congelado ela o empurra com a sola do pé abrindo assim um breve espaço, porém suficiente para que ela ponha o seu poder em funcionamento, com a sua outra mão ela toca o gelo em seu outro braço e então seu corpo toma a forma de gelo.
 
-O que foi ? Nunca viu ninguém em congelado antes?
 
Ela parte contra Hugh disparando socos congelados contra o corpo do garoto.
 
Jinx entende que Nexus também precisa de seu talento então teleporta o garoto que voa na direção do homem com tapa-olho, como um pneu ele acerta o sujeito que cai ao chão, seguindo o garoto acerta a parede e volta com tudo contra o inimigo.
O sujeito levanta rapidamente o tapa-olho, mostrando assim um olho dourado, imediatamente eles se estica copiando o movimento de Nexus os dois se chocam e são arremessados para lados opostos.
 
Jinx em seu turno nota que Arco permanece em sua posição inicial e ninguém o ataca ainda. Em cima do muro, enquanto isso, Suporte vê Eagle no chão mais ela esboça reação, o que o deixa livre pra seguir seu plano, ele procura e encontra com sucesso o sistema na aljava do arqueiro que separa e carrega as flechas, e também no seu arco o controle responsável por acioná-las.
 
Eagle se levanta e sem saber que Suporte esta agindo atira contra Arco duas sequência as de
flechas atordoantes,  Arco consegue interceptar a primeira dupla de flechas, mais com o acionamento das flechas elétricas e de gás, causadas por Suporte, ele se assusta e recebe alem da descarga, uma flecha no tórax e outra no ombro  que o fazem cair de costas, salvando-o assim da morte certa, pois a suas costas um portal criado por Jinx trás uma saraivada de balas que passam raspando por ele. Do chão Arco se contorce de dor, enquanto Suporte percebe que só havia sete atacantes.    
 
Gadget segura Kiya que vem em sua direção, ela a deixa em segurança ao chão, porém no trajeto ele passa o olho pelos atacantes e com sua aprendizagem instantânea deduz os poderes de cada um, seus palpites são:
 
Grav, o líder tem o poder da gravitosinese, Grog, os três na verdade são um e tem o poder se de multiplicar além de uma força maior do que o comum, Spay a mulher tem mimetismo epidérmico e consegue absorver qualquer matéria e tomar a suas propriedades, Arco visão apurada e super mira, O Homem do tapa-olho tem o poder da replicação de habilidades, podendo copiar somente uma habilidade por vez ao toque, e ate então o último Vorx que apresentou super velocidade.
 
Ao ser deixada no chão Krisys parte contra Vorx que por sua vez dispara acompanhando a garota em uma corrida em círculos, eles estão a uma velocidade que Gadget não pode acompanhar, porém tentando calcular os movimentos dos dois Gadget dispara um tiro com seu canhão, a energia parte contra o vulto dos dois velocistas. Com sua visão em câmera lenta Kiya consegue enxergar o disparo e saltando e girando no ar se desvencilha por milímetros do disparo, a garota então vê Vorx se assustando e escapando por pouco do disparo após acelerar sua corrida, ela percebe que o vilão não esta utilizando todo o seu potencial, ela também vê ele desviando a rota para a direção de Gadget.
 

Sem ver essa parte Gadget vê o seu tiro passando direto pelo vulto dos dois e acertado uma as grandes arvores da floresta a derrubando.

OBS: As postagens podem ser feitas até as 11hs de sábado dia 21/03/15.
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://geracaosuprema.forumeiros.com
Gadget
Membro
Membro
avatar

Mensagens : 526
Data de inscrição : 18/08/2013
Idade : 29

Suprema Card
Nome Civil: Peter Heinz
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E12 - Negócios   Sex Mar 20, 2015 10:26 pm

Então estou atrapalhando Krisys, pelo que noto não serei de ajuda significativa para ela, mas voltarei para ajudá-la

Sem ser percebido mudo de alvo, Spay absorveu o gelo de Blood Ice o que vai ser um otimo ataque de oportunidade para mim, pelo comunicador enquanto voo e aplico um lança em Spay, falo com Blood Ice

< As coisas vão esquentar, vamos somar para acabar com isso rapidamente >

Então esperando que Hugh entenda meu movimento disparo uma carga de chamas ainda mais forte contra ela, e assim que notar sua mudança de pele mudo para um disparo de água afastando de Spay enquanto disparo um míssil contra ela e me protejo.

_________________
ITENS:
 



A mente que se abre a uma nova idéia jamais voltará ao seu tamanho original.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Blood Ice
Membro
Membro
avatar

Mensagens : 421
Data de inscrição : 19/08/2013
Idade : 26

Suprema Card
Nome Civil: Hugh Irenia
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E12 - Negócios   Sex Mar 20, 2015 11:34 pm

Hora essa usando meu gelo, escuto o comunicador e falo direto com a minha inimiga...

Hora essa, pegando meu gelo para usar?
Eu devo ser bem galante para você.
hahaha...


Enquanto encaro ela, aplico alguns golpes de box e uso postura defensiva ate o momento certo de saltar para trás para que gadget ataque, logo o ataque de gadget uso rajadas de gelos na mesma para que ela perca seus sentidos mais rápido e mirrar ou desmaia.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Suporte
Moderador
Moderador
avatar

Mensagens : 289
Data de inscrição : 11/10/2013

Suprema Card
Nome Civil: John Mycroft
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E12 - Negócios   Sex Mar 20, 2015 11:40 pm

* Sete indivíduos, sete fatores contados na equação. Porém, o fato é que eram um número total de oito em sua premissa. Não precisa se achar um detetive para chegar a conclusão mais possível da estratégia e tática inimiga: Distração. Distração, em sua natureza, apenas uma ferramenta para um fim que os convém. Em suas declarações, até onde observei, não a um motivo exatamente clara para um movimento como esse. Também existe outro detalhe crucial, uma vez que nosso tempo de reação inicial não deve ter demorado mais do que poucos minutos na realidade, teria por causalidade restado uma minima quantidade de tempo para o oitavo elemento do conjunto se esconder. Principalmente, quando consideramos o campo aonde estamos. Em outras palavras, ou ele é habilmente excepcional na arte da discrição, ou o mesmo está sendo capaz de ser invisível ao sentindo empírico de alguma forma notória.*    
Eu ainda busco me manter escondido, em segurança atrás desse muro e com meu corpo encostado sobre essa parede física, olhando por alguns segundos apenas o eliminado sobre esse solo. Eu posso assisti - ló se contorcer por alguns instantes, o suficiente para minha mente teorizar sobre a evidência que o mesmo ainda deve está ciente, sentindo as consequências dos atos em sua pele. Isso não me agrada, não como acho que esse contexto deveria fazer. E,em um pensamento fugaz, retorno a trabalhar sobre as minhas prioridades nesse tabuleiro. Um xadrez aonde, aparentemente, uma das peças desapareceu.
* Independente do motivo, assumindo que estou lidando com oito potencialidades, o número de possibilidades naturalmente aumenta na balança. Ao desconsiderar o meio ou o porque desse ultimo fator, ainda me restaria um fato lógico e racional. Esse grupo, tendo tecnologia o suficiente para ter flechas especiais, possuiria logicamente uma chance considerável de ter um recurso simplista como um comunicador ou, pelo menos, um instrumento alternativo de comunicação, para facilitar suas existências. Assumindo que isso exigiria da tecnologia trabalhar dentro de uma freqüência conjunta. Em tese, eu seria capaz de sentir esse sinal entre os dispositivos, dando - me a possibilidade de localiza - ló. Talvez, até agir mais ambiciosamente.*  
Após essa mentalidade, visaria ainda na segurança da minha proteção, fechar os olhos. Tento concentrar apenas na audição, Focando minha conexão com a rede em uma tentativa de sentir os sinais e frequências das ondas do local. Mais precisamente, nos dispositivos de comunicação próximos. Em seguida, viso tornar minha tentativa mais exclusiva, com foco nas comunicações inimigas. Em um esforço para encontrar através de sua frequência e sinal especifico, a localização do oitavo membro. Ao termino do processo, antes de me retirar dessa concentração, focaria em mandar um comando para os comunicadores dos adversários: Uma espécie de ruido ou som de interferência alto, o qual tentaria aumentar, com meus poderes, sua potência e volume ao limite. De uma forma, que o objetivo da ação fosse distrair e desorientar os oponentes com a intensidade do som tempo o suficiente para permitir um brecha aos demais em suas situações singulares.
Ainda procurando ficar cauteloso e observador sobre a proteção do muro, tentaria seguir discretamente e silenciosamente (em voo, se fosse necessário experiencialmente) caso o oitavo membro estive distante. Caso estivesse próximo, o protocolo e plano seria tentar disparar em sua direção, sucessivamente com disparos rápidos e potentes. Sempre tentando ficar uma distância média e cautelosa do possível oponente.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Krisys
Membro
Membro
avatar

Mensagens : 241
Data de inscrição : 24/06/2014
Idade : 20

Suprema Card
Nome Civil: Kisen Kiya
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E12 - Negócios   Sex Mar 20, 2015 11:50 pm

*VIADO*

Desta vez Peter me estressou de verdade, quase me acertou um golpe ! Vejo ele se retirando, tenho certeza que entendeu que não consegue nos acompanhar, melhor ele ficar de fora dessa, minha atenção é focada no homem que luta contra mim, ele aparenta ter uma velocidade igual ou superior, isso pode virar uma luta digna do Jackie Chun e Goku, apenas nas varias imagens de velocidade. Então me concentro em me mover rapidamente deixando as imagens para que meu inimigo repita o processo, em seguida confio em meu treinamento com o senhor Nero, espero cada ataque de Vorx e contra atacando com o aikido para derrubar o inimigo.


Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: T4E12 - Negócios   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
T4E12 - Negócios
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 2Ir à página : 1, 2  Seguinte
 Tópicos similares
-
» T4E12 - Negócios
» Capítulo 2: Negócios Ilícitos
» IDÉIA DE NEGÓCIO
» Auspícios
» Surgestão Do Negão[pt2]

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Geração Suprema :: Geração Suprema - RPG :: 4° Temporada-
Ir para: