Geração Suprema


Antes da criação temos a Destruição.
 
PortalInícioRegistrar-seConectar-seFAQBuscar

Compartilhe | 
 

 T4E09 - O Coliseu

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2
AutorMensagem
Titan
Administrador
Administrador
avatar

Mensagens : 470
Data de inscrição : 11/08/2013
Idade : 28

Suprema Card
Nome Civil: Nero
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E09 - O Coliseu   Qua Fev 25, 2015 9:20 am

Titan parado a frente de Damiani e começa a falar com ele enquanto da passos curtos para ficar nas costas de Blood

-Na boa cara mo sacanagem sua ficar voando kkkkkk sabe que o padre precisa de terra para ser util kkkkkk.
Bom temos que continuar não é mano


Titan parte contra Damiani usando a força de suas pernas para conseguir uma arrancada agressiva para se aproxima de Damiani usando a quebra de barreiras e aplicar golpes de karate e kung fu visando pontos vitais na intenção de colocar Damiani para dormir.

*O picolé está de costas então se o Damiani esquivar no mínimo eu atropelo o picolé huahua*
Voltar ao Topo Ir em baixo
Gadget
Membro
Membro
avatar

Mensagens : 526
Data de inscrição : 18/08/2013
Idade : 29

Suprema Card
Nome Civil: Peter Heinz
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E09 - O Coliseu   Qua Fev 25, 2015 9:44 am

Departamento de Ciência e Tecnologia::
 


Meu plano não funciona corretamente, mas vamos para uma segunda parte, frente a frente com Letícia, ambos somos atiradores, mas ela ainda mantem seu arco, ela pode usa-lo como bastão, ela também conta com sua faca de caça, tecnicamente estou em desvantagem de equipamentos, mas há algo que sei a respeito dos Infiltrators, tirando Nexus e Krisys nenhum tem uma "especialização" em combate.

John vou estar meio ocupado cuide do Cubano

Volto a atenção para Letícia

Senhorita Alba, tenho um pensamento ao seu respeito, prove que estou errado

Com minha memoria eidética volto aos tempos de INACAM e ao treinamento que fiz contra Treze e Titan, luta corpo a corpo onde tive a dolorosa aula de jiu-jitsu brasileiro me posicionando em forma de combate defensivo, sei os possíveis movimentos feitos pelo arco em punho e pela faca, nada preocupante, a cada investida de Eagle Eyes a derrubarei e afastarei para que ela levante e não me aplique um golpe surpresa ou uma rasteira.


OBS

Spoiler autorizado pelo mestre

_________________
ITENS:
 



A mente que se abre a uma nova idéia jamais voltará ao seu tamanho original.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Krisys
Membro
Membro
avatar

Mensagens : 241
Data de inscrição : 24/06/2014
Idade : 20

Suprema Card
Nome Civil: Kisen Kiya
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E09 - O Coliseu   Qua Fev 25, 2015 1:39 pm

A diferença de forças entre eu e o senhor Theo é visível, com as dores vem na memoria um dia em que estava com o senhor Peter no mirante do mangabeiras, lembro de ele me ter dito algo sobre força e velocidade, não faço ideia o que ele queria dizer mas farei o teste

*Que os deuses me deem sua benção e me mostrem o caminho*

Decido por fazer um movimento forte, corro com uma grande velocidade deixando as ilusões em pontos específicos que forcem o senhor Theo a mover a cabeça para enxergar, em seguida acelero contra a parte mais vulnerável, no caso suas costelas que aparecerão quando ele se virar, então aplico um chute com força suficiente para lhe tirar o ar, e me coloco novamente a correr, não quero ficar parada e ser alvo facil
Voltar ao Topo Ir em baixo
Kaboom
Membro
Membro
avatar

Mensagens : 334
Data de inscrição : 16/08/2013

MensagemAssunto: Re: T4E09 - O Coliseu   Qua Fev 25, 2015 2:54 pm

Pernas, não me faltem agora!

Celine mostra cansaço porém, eu estou com as pernas doendo! Dor fora tatuagem, apenas as inomináveis. Dor de pancada é uma titica de galinha!

Bem, não tenho muitas opções alem de esperar um ataque. Me mantenho atenta para as asas de Celine, longas asas que fora sua vantagem até agora. Quando ela atacar, me esquivo do ataque das asas para aproximar-me de seu torax e acertar minha sequencia de nove socos, mas sem explodir.

Voltar ao Topo Ir em baixo
Jinx
Membro
Membro
avatar

Mensagens : 119
Data de inscrição : 11/08/2014
Idade : 19

Suprema Card
Nome Civil: Giovanna Marcelly
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E09 - O Coliseu   Qua Fev 25, 2015 4:48 pm

Eu e Vulpine somos colocados em uma arena medieval para batalharmos, missão que não estava indo muito bem. Eu estava parada, esperando por um golpe para poder estudá-lo, mas ele simplesmente me encarava o tempo todo, ou ele estava fazendo o mesmo que eu ou, alternativa mais provável, estava sobre efeito de sua tão amada cocaína. Estávamos a um bom tempo no mesmo jogo até que Bugarski se manifesta impaciente, então eu percebo que estava na hora do "tudo ou nada".

*Vejamos, o que meus portais podem fazer contra um ninja com uma Katana. Algo que não inclua cortá-lo pela metade como eu sempre faço.*

Apesar do tempo que passamos juntos como uma equipe, eu nunca havia parado para reparar nos seus pontos, tanto fortes quanto fracos. Só consigo pensar em duas coisas: o elemento surpresa, e a maior fraqueza de todos seus iguais.

Começo a correr em sua direção, com minha faca em mãos, ao chegar perto o suficiente para que ele possa pensar em atacar, crio um portal na minha frente para me levar até suas costas. Com um movimento rápido, estico minha perna ao lado da sua e com uma cotovelada na orelha, o empurro na direção da perna, como uma espécie de "rasteira", para derrubá-lo.

*Finish Him!*

Sucesso ou não, voltaria pelo mesmo portal para desferir um chute entre as pernas de Vulpine.

_________________
Mudei de novo sim! E se reclamar mudo outra vez <3:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Blood Ice
Membro
Membro
avatar

Mensagens : 421
Data de inscrição : 19/08/2013
Idade : 26

Suprema Card
Nome Civil: Hugh Irenia
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E09 - O Coliseu   Qua Fev 25, 2015 6:02 pm

Estou frente a tremor, a situação está feia tanto para eu quanto o mesmo, faço um sinal para tremor e digo a ele.

* Caro amigo, Fico me perguntando porque dessas lutas Sem sentido.
Não sei você mas estou afim de sair daqui então vamos acabar com isso logo. *

então com estou perto de tremor pulo em cima dele assim que encostar nele esfrio o máximo que puder a temperatura para deixar os movimentos dele mais complicado e procuro aplicar um balão e jogar tremor para fora do ring e assim que isso acontecer saio e faço um sinal para que damiani e Titan acabei logo.

* não quero me machucar mais do que isso e irrelevante essas lutas. *

Ajudo a tremor a sair do local para poder ter nossos primeiros atendimentos médicos.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Eagle Eyes
Membro
Membro
avatar

Mensagens : 180
Data de inscrição : 24/06/2014

MensagemAssunto: Re: T4E09 - O Coliseu   Qua Fev 25, 2015 8:09 pm

Me encontro ao chão sentindo fortes dores, parece que fui alvo de Suporte e Gadget, eles realmente queriam me machucar, até parece que eu sou o CANFORA aqui, e por falar nisso tenho que agradecer o Cubano por ter salvo a minha pele.

Olho para frente e dou de cara com um Gadget sem armadura e no mesmo estado que eu, me concentro ativando a minha visão procurando alguma contusão aparente em seu corpo e com toda a força que me resta o ataco com uma solada visando a sua queda.

Ele pode até saber lutar, mais não tem um namorado mestre em artes marciais que sempre me ataca com golpes de MMA nas noites em que assistimos UFC, devo ter aprendido alguma coisa com isso...

-O que você estava pensando quando mandou um míssil em mim seu retardado!

Caio sobre ele com uma cotovelada, para finaliza-lo.

_________________
Ficha Herói:
 


Imagem:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Damiani
Membro
Membro
avatar

Mensagens : 309
Data de inscrição : 17/09/2013
Idade : 27

Suprema Card
Nome Civil: Evans Valladares
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E09 - O Coliseu   Qua Fev 25, 2015 8:16 pm

As coisas não saem muito bem como esperado, Tremor realmente me surpreendeu com seus movimentos mas isso não é algo que tenho que me preocupar, a situação promove o famoso x1 e estou de frente com Titan. Estudo Titan um pouco e é obvio que a chance de para-lo é quase nula, porem nada melhor que usar sua força contra ele próprio.

- HAHAHAH Ai você ta de sacanagem comigo né, vc jura que achou que eu ia ficar ali parado esperando vc me atropelar e quebrar meus ossos um a um hahaha

assim começo minha investida, inicialmente já esperando o ataque frenético de Titan tento atrasa-lo o máximo que puder com varias rajadas cineticas ao seu encontro. * Né possivel que esse ogro não vai sentir nada* assim que continuar vindo ao meu encontro desvio rapidamente e uso o manipulo para a direção onde ele esta indo fazendo o bater contra a parede, assim ganhando tempo para usar meu ataque mais uma vez criando um globo gigante e a energizando e jogando contra Titan.

- Nosso x1 vai ser interessante man.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Spark
Membro
Membro
avatar

Mensagens : 302
Data de inscrição : 30/11/2013

MensagemAssunto: Re: T4E09 - O Coliseu   Qua Fev 25, 2015 8:40 pm

Recebo um, dois, três, oito joelhadas nas costelas, minha defesa eletrica e as placas do meu uniforme se mostram boas aliadas, mais é certo que estou desconfortável para me locomover, e minha velocidade pode ser menor agora.

Vejo que ela não para de correr, mais sei que sentiu minha cotovelada, então decido ficar parado no centro da arena.

Espero até o momento em que Krisys venha em minha direção (o que não deve demorar), então faço uma explosão ao redor do meu corpo como uma onda para atordoá-la, e então parto com a maior velocidade que consiga atingir até tocar a sua testa e liberar uma boa descarga para apaga-la.

-Hora de dormir Kiya...

_________________
Ficha Herói:
 


Imagem:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Suporte
Moderador
Moderador
avatar

Mensagens : 289
Data de inscrição : 11/10/2013

Suprema Card
Nome Civil: John Mycroft
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E09 - O Coliseu   Qua Fev 25, 2015 8:51 pm

O suor começa a se tornar uma realidade para minha carne e pele. Relembrando que independe da vantagem ou poder que eu possa vim a adquirir, as limitações físicas sempre estarão presentes para serem somadas na equação. Entretanto, esses fatos eram insuficientes para alterar meu desempenho em um primeiro momento. Aonde opto por continuar voando e aceitando minha condição de observador que preza a frieza e o cientifico no olhar de meus olhos.
Eu ainda sinto os ventos e correntes de ar batendo discretamente em minha face, deixando em obviedade o sentido metafórico do calor da batalha. Meus músculos estavam inertes, assistindo impotente o decorrer da extinção da tecnologia e sistemas do traje do gênio. Consumido vorazmente sua armadura, naturalmente mais evoluindo que a minha própria e ainda sim, devorada como se fosse um fator inútil nessa soma. Pode ser algo empírico e evidente porém, têm uma considerável importância na totalidade.
Por um segundo olho para baixo, com o ar de querer confirmar o estado dos outros dois elementos existentes no total da situação. Teoricamente, tanto a arqueira quanto o gênio não devem ser capazes de contar positivamente ou negativamente para a equalização do agora. Em contra partida, essa não é a circunstância vivida por Cubano. Eu esculto suas palavras em meus ouvidos, chamando a atenção de minha visão e alertando - a das possibilidades futuras. É obvio, eu não devo ter em minhas mãos mais do que alguns segundos para teorizar nos pensamentos e colocar em prática alguma reação. Em ultima analise, é o suficiente. Precisa ser.
* Capacidades que são um obstaculo presente. O seu vômito pode ser visualmente vitima de desgosto e mesmo assim, eu necessito enxergar além desses conceitos. A sua habilidade vêm e dependente de muitos músculos e seus movimentos físicos.  A garganta, em particular. Como qualquer parte do organismo humano, possui seu próprio limite devido e não está imune ao cansaço e desgasto.  Usando grandezas com proporção, o número de vezes e a quantidade de distância percorrida a cada ofensiva, devem exigir um preço equivalente de seu mestre e usuário.  Em outras palavras, a intensidade e velocidade sucessiva de cada ataque deve desgastar em algum momento, consumir energia corporal e por causalidade, diminuir sua efetividade gradualmente. Essa suposição é apenas uma tese e ainda há de necessitar de uma experiência como comprovação na equação.*    
Com essa mentalidade, eu encerraria meu pensamento fugaz. Visando alcançar uma maior altura com meus propulsores. De preferência, tentará assumir uma posição mais alta do que,anteriormente, o gênio parecia ter adotado antes do dano acido. Procurando observar, sem deixar nenhuma dúvida ou emoção aparente em meu rosto, como estaria o cenário em sua totalidade rapidamente. E,em seguida, busco usar meus poderes para tirar o melhor da efetividade que o meu traje pode me oferecer. Mesmo chegando próximo ao seu limite aceitável.
Com isso,  tentaria juntar as forças da armadura na velocidade e evasiva. Visando continuar em movimento continuo e alterando regulamente e sucessivamente sua altura para menor e maior. Na esperança de dificultar as chances de receber um acerto. Continuando essa linha, esperaria que os disparos ácidos naturalmente errassem e acertassem o solo, planejando que os mesmos o inutilizassem e desgastassem com o tempo.
No processo, viso ficar atento e, caso minha suposição estivesse correta, os vômitos sucessivos deveriam cansa - ló. Caso isso fosse visível, buscaria ativar os escudos do traje (assumindo que tenha essa função) como, em tese, um meio a mais de proteção e para limitar o espaço do oponente a medida que tentaria me aproximar cautelosamente dele. Tentando usar a força secundária do traje para manter disparos em uma base regular em sua direção. Com o objetivo de limitar ainda mais seu espaço e joga - ló de forma natural a parede.
A estratégia, teria como centro, o momento de tentar circular, enquanto em voo, o Cubano e assim, tentaria aproveita - se dos assumidos disparos ácidos que pudessem cair em sua proximidade e por fim, esperaria que os mesmo cientificamente fizessem seu efeito esperado: Uma inutilização acida de seus arredores. corrosivamente. Junto ao fator da parede, tentaria, no ápice dessa tática, cerca - ló com esses acontecimentos e no desfecho, utilizar a força principal do traje em um único disparo totalmente carregado em sua direção. O intuito era derrubá - ló em um única movimentação.
* Complexo. Não sei se tenho o poder de deter as variáveis. Porém, se as propriedades corrosivas agiram tão adequadamente ao traje de Gadget, podem ser usadas inversamente contra o solo. Um disparo que sobe, pela física e lógica, cai em algum instante. Manifestando sua reação natural: Corroer. Eu apenas usei isso ao meu favor progressivamente. O cansando, o forçando. Deixando que o tempo possa diminuir sua intensidade e chegue cada vez mais perto dele. Até fazer inviável a sua volta. Uma armadilha perigosa e ambiciosa. Mas, caso falhe, tenho outro plano preparado.*  
Tendo ciência da imensa possibilidade de ser atingindo no meio da totalidade. Ficaria pronto em qualquer momento que eu fosse atingindo pelo acido, faria o ultimo esforço para sair triunfante neste xadrez: Iria, em ultima escolha, sobrecarregar a energia da armadura a ponto de fazê - lá se tornar uma bomba relógio de pura grandeza energética. Em ultimo caso e se já tivesse sido vitima da ofensividade de Cubano, iria buscar me ejetar do traje e deixar o resto explodir naturalmente.
* Plano de contingência, no cenário que todas as outras opções estariam celadas. Movi as torres no tabuleiro, é a vez dele no tabuleiro creio.*
Voltar ao Topo Ir em baixo
Tremor
Membro
Membro
avatar

Mensagens : 259
Data de inscrição : 17/08/2013
Idade : 29
Localização : BELO HORIZONTE

Suprema Card
Nome Civil: Gregório Martinez
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E09 - O Coliseu   Qua Fev 25, 2015 9:23 pm

Lutar contra esses caras é difícil demais, não é atoa que são omegas, os dois são bem fortes, e no combate são bem difíceis de derrotar.

 _Hugh você ja ganhou tantas vezes amigo no combate homem a homem, deixa eu ganhar dessa vez, tú é muito difícil de ser batido.

  Todos estamos no chão que então tenho mais chances de fazer alguma coisa contra os dois, faço uma manipulação mais bem elaborada ja que estou com o contato direto com a terra para equilibrar a disputa, seguro Hugh e Evans no chão para não deixar com que façam nada, faço com que a terra engula os dois e os aprisione a começar pelos membros inferiores dos dois

 fazendo bastante pressão contra eles e causando lesões e sufocamentos contra os dois e deixando com que estejam a mercê do ataque de Nero.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Suprema
Administrador
Administrador
avatar

Mensagens : 614
Data de inscrição : 06/08/2013
Idade : 28
Localização : Belo Horizonte

Suprema Card
Nome Civil: Joana Novaes
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E09 - O Coliseu   Qua Fev 25, 2015 10:32 pm

Spoiler:
 


26 de agosto de 2016, O Coliseu

Primeiro evento: Combate marcial categoria mista 1: Spark x Krisys
Krisys opta por correr em seu máximo. Ali ela é capaz de perceber que sua velocidade aumentara consideravelmente, podendo ser chamada de mutante ômega. Com esta velocidade, consegue criar ilusões perfeitas de si mesma em pontos distintos, forçando Spark a procurá-la em diversas direções.

Spark permanece no centro da arena a observar com dificuldade. Assim o golpe com as pernas de Krisys conecta, atingindo Spark e o deixando sem ar por instantes. A vantagem de Krisys dura pouco, Spark explode eletricidade e atordoa a garota. Com os músculos tonificados ele toca a testa da garota atordoada, aplicando uma descarga que a apaga. Spark apenas espera

-Final da primeira luta! A vitória é de Bieber! Opa, a vitória é de SPARK!!!

A multidão aplaude e Spark cai, sendo carregado por Roger.

Segundo evento: Combate marcial categoria mista 2: Vulpine x Jinx

Jinx acorda de seu transe após o descontentamento de Bugarski. Ela parte contra Vulpine, munida de sua faca. Criando um portal atrás dele, ela estica sua perna e o empurra com os cotovelos contra a perna atravessada no portal. Vulpine cai de costas e recebe um estrondoso chute no meio das pernas fazendo o público feminino aplaudir e o masculino gemer em uníssono:

-Uh!!!

Vulpine levanta-se, completamente abatido e curvado, protegendo a pélvis.

Terceiro evento: Combate marcial categoria masculina: Nexus x Valzack

Valzack nota o sangue escorrendo em seu nariz. Ele começa a retirar o oxigênio do local onde Nexus está, e o garoto elástico começa a perder a consciência pela falta de ar.

Quarto evento: Combate marcial categoria feminina: Kaboom x Celine

Esther já não possui energia como de costume. Suas pernas doem, mas, sua rival também se mostra em processo de fadiga. A luta exige uma continuidade e Kaboom propõe a defensiva. Celine parte então em um ataque rodado com suas asas. Ela gira em 360 graus e Kaboom se esquiva. O tórax desprotegido é alvo de uma série de nove golpes com os punhos de Kaboom. Celine cai e bate três vezes ao chão, desistindo da luta. Bugarski acena e todos o escutam

- A vitória é de Kaboom!

A multidão delira entoando:

-Ah! Eu sou Kaboom! Ah! Eu sou Kaboom!Ah...

Quinto evento: Combate marcial categoria duplas : Titan e Tremor x Damiani e Blood Ice

Damiani espera a investida de Titan. O grandalhão Nero usa a força de suas pernas num impulso de arrancada, logo após ele traçar uma linha onde, sem concepções de atrito, ele possa o inglês e o russo em uma só tacada. Após a disparada de Titan, Damiani se prepara para desviar, mas é surpreendido.

Não é a velocidade de Titan que o impede de se mover, mas sim, a ação de Tremor. Em seu território terrestre, Tremor mostra a TEENIMAC pela primeira vez, o que o torna um mutante ômega. Na terra, nenhuma destreza de Blood Ice, ou Damiani se opõe ao movimento de Tremor,que os enterra até os joelhos em uma só tacada.

Damiani tenta a sobrevida com rajadas telecinéticas, mas é tarde demais. O poder de quebrar barreiras de Titan é cavalar, e ele atropela Damiani e Blood Ice. Os dois tombam e a vitória é decretada.

-E os vencedores são:Titan e Tremor! Mais Tremor que Titan, não é pessoal?

A multidão se alvoroça, alguns até citam expressões católicas em clara homenagem a Gregório. Damiani e Blood são recuperados por Celine, já renovada.

Sexto evento: Combate marcial categoria trios: Gadget, Suporte e Hagi x Eagle Eyes, Quorton e Cubano


A luta de trios se torna uma luta de duplas com cada indivíduo enfrentando situação ímpar. Suporte atinge uma altura superior a 200 metros, usando sua tecnopatia a ampliar a velocidade do traje. Com isto ele visa fugir dos disparos de Cubano, mutante bem treinado que não cai em seu lance na partida.

-Uma hora você vai ter que descer. Numa luta solo versus ar, a ação vem da vantagem, ou seja, a sua.

Com isto, Cubano obriga Suporte a usar sua cartada: consumir toda a energia do traje em um único disparo. Como um tiro digno de Dragon Ball, Suporte exaure a força do traje, exceto um propulsor que usa para não entrar em queda livre.

O disparo enorme bate de frente com um outro disparo de Cubano, desta vez mais forte. As energias se anulam e o ácido cai como uma chuva fina, aterrorizando a todos, embora nada ocorra.

-Se o ácido não está concentrado, é apenas suco gástrico ineficiente.

No chão, Suporte ejeta o traje e fica de frente para Cubano.

-No chão, a luta muda. Quem está em desvantagem, tem que agir

Eagle e Gadget preparam um corpo a corpo. A garota usa sua visão e enxerga a perna direita de Gadget, com cicatrizes de bala e um hematoma recente. Já Peter recorre à sua memória eidética, relembrando treinamentos de jiu-jitsu brasileiro. Letícia o ataca com uma solada, mas Peter consegue fazer um solavanco, jogando-a no chão. Ele procura a submissão, mas o arco o impede de fazê-lo, atrapalhando no encaixe. Com isto Eagle se levanta acertando uma cotovelada. Ela fica de pé e Gadget consegue fazer o mesmo.

OBS: -As lutas não ocorrem, cronologicamente, de maneira simultânea, mesmo com as postagens sendo assim.

-Não é permitido se prevalecer das postagens alheias, exceto aos casos dos combates de duplos e trios, sendo permitido apenas o uso da postagem do companheiro de equipe. Aquele que usar a postagem do oponente como base terá a postagem invalidade imediatamente.

-Aqueles que tiveram as lutas encerradas, ganharão a pontuação das postagens subseqüentes. Portanto não há a necessidade de postar. Mas se optarem pelas postagens, poderão alcançar número de pontuação 18, e não 13 conforme padrão

-As postagens deverão ser efetuadas até as 23:30, horário de Brasília, do dia 26-02
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://geracaosuprema.forumeiros.com
Gadget
Membro
Membro
avatar

Mensagens : 526
Data de inscrição : 18/08/2013
Idade : 29

Suprema Card
Nome Civil: Peter Heinz
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E09 - O Coliseu   Qui Fev 26, 2015 10:49 am

Departamento de Ciência e Tecnologia::
 

Uma cotovelada no queixo, fenomenal não esperava isso dela.

Arrogante e mimada, o míssil foi detido, com sua capacidade ocular você o notaria facilmente, você foca demais em um único ponto ao invés de focar todo o território. Aprenda com seus poderes, não dependa tanto do arco e das flechas, você é mais que isso, agora pare de chorar e me ataque novamente e desta vez não seja tão patética

De arrogância eu entendo bem e sei que essas palavras vão cravar, espero o ataque de Eagle Eyes para derrubá-la, sei seus movimentos vão ser agressivos, e sei que ela pode usar o arco ou a faca, mas já calculo formas para desviar de tais movimentos, desta vez usarei tudo que tenho, todo conhecimento e experiencia adquiridas, todas as batalhas, todas as vezes que estive quase morto, as lutas que travei de enorme dificuldade, a experiencia de Infiltrators e a vidinha de classe media e arqueirismo não se comparam a isso. Viso derrubá-la e imobilizá-la, usarei até seu arco se for possível para que ela não se mova.

Com Letícia imobilizada

Somos atiradores, e dependemos muito mais da nossa visão do que das nossas armas, Theo é um mestre, peça a ele que te ensine artes marciais, eu não sou o tipo que luta, mas veja, estou em vantagem logica, espero que a dificuldade te faça crescer

Olho para Suporte
Me desculpe mas o Geek Team vai contar só com você

Solto Eagle Eyes e desisto da luta

_________________
ITENS:
 



A mente que se abre a uma nova idéia jamais voltará ao seu tamanho original.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Damiani
Membro
Membro
avatar

Mensagens : 309
Data de inscrição : 17/09/2013
Idade : 27

Suprema Card
Nome Civil: Evans Valladares
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E09 - O Coliseu   Qui Fev 26, 2015 11:39 am

* Derrota decretada, Tremor cresceu bastante nos ultimos meses, perdemos por subestima-lo hahahaha, acho que deveria ter lutado mais a sério ....*

Celine nos resgata e me levanto rapidamente.

- Obrigado pela ajuda moça.

Voo em direção onde Bugarski Suprema e os outros estão.

- Muito divertido essas lutas Jones, mas não conte comigo para a Próxima, não vou ficar participando desse "Pão e circo" acho bem desnecessário, gosto de lutas onde podemos abusar de nosso potencial e não para atrativos para os outros.

Comprimento Suprema os demais canforas e acendo um cigarro para ver o restantes das lutas.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Krisys
Membro
Membro
avatar

Mensagens : 241
Data de inscrição : 24/06/2014
Idade : 20

Suprema Card
Nome Civil: Kisen Kiya
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E09 - O Coliseu   Qui Fev 26, 2015 2:13 pm

Ao acorda vejo que a luta se encerrou,e percebo que o senhor Theo foi o vitorioso
Não me sinto uma perdedora pois foi por divertimento e me empenhei o máximo para ficar pário com ele

*Sera que posso me levantar?*

Apos toda essa dificuldade me sinto mais forte, o que me alegra muito
Voltar ao Topo Ir em baixo
Blood Ice
Membro
Membro
avatar

Mensagens : 421
Data de inscrição : 19/08/2013
Idade : 26

Suprema Card
Nome Civil: Hugh Irenia
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E09 - O Coliseu   Qui Fev 26, 2015 4:40 pm

Sou ajudado por bela moça agradeço a ela e saio do local.
Bato um telefonema para búlgaro.

* muito obrigado por essa diversão, na qual so tenho machucados.
muito estranha vc deveria estar aqui não ai cima.
Enfim e última vez que participo dessa festa de lutas.
Não vou me machucar para agradar o povo.*

Desligo e Vou para meus aposentos
Voltar ao Topo Ir em baixo
Titan
Administrador
Administrador
avatar

Mensagens : 470
Data de inscrição : 11/08/2013
Idade : 28

Suprema Card
Nome Civil: Nero
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E09 - O Coliseu   Qui Fev 26, 2015 5:42 pm

Titan após ouvir as palavras de Jones

-HUAHUAHUA fodas eu venci do mesmo jeito huahua

Titan corre ate Tremor e o carrega nos ombros

-Ae seu padre pederasta vencemos essa merda huahua e na boa achei que o avacalhado voador iria nos vencer sozinho, valeu demais tremor.

Titan fala com Celine

-Celine meu anjo, nada mais justo do que vc o anjo de Teenimac para curar nosso padre vencedor.
Agora bora para  junto do Jones e ver a última luta.


Titan espera Tremor e Celine para ir encontrar Jones.

Ao chegar Titan comprimenta os canforas presentes em especial Dom

-Sua bênção avô

E também suprema

-Curtiu nossa festa Joana?

Ja em seu lugar Titan começa a fazer comentários gritando sobre a última luta

-Wow nerd slash boa Hagi, ae Cubano você ja viu exorcista cara huahuahau.
-Cubano você vomitou na platéia cara huahuahau isso sao modos de tratas os fãns que vergonha hhahahaha.
Gadget seu bosta olha o arco, nao foi isso que te ensinei cara.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Eagle Eyes
Membro
Membro
avatar

Mensagens : 180
Data de inscrição : 24/06/2014

MensagemAssunto: Re: T4E09 - O Coliseu   Qui Fev 26, 2015 8:41 pm

O arco me ajuda a não perder a luta, e minha cotovelada encaixa, realmente eu preciso de aulas de lutas. Não moverei meu arco visto que ele me ajudou e deve me ajudar ainda dificultando as pegadas do jiu jitsu.

Escuto as palavras de Gadget e meu sangue ferve, o que se mostra com o cerrar de meus punhos, dou um passo a frente, então o respondo.

-Arrogante e mimada você acertou gênio, porém erra quando diz que tem a vantagem...

Arremesso minha faca de caça contra a cicatriz na perna dele e sigo com uma solada alta sem muita técnica que visa derruba-lo. Sigo logo atrás com socos em  seu rosto.

_________________
Ficha Herói:
 


Imagem:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Spark
Membro
Membro
avatar

Mensagens : 302
Data de inscrição : 30/11/2013

MensagemAssunto: Re: T4E09 - O Coliseu   Qui Fev 26, 2015 8:48 pm

Caralho, cheguei a pensar que perderia essa parada... Obrigado a todos eu sou foda!

São as últimas coisas que me lembro antes de cair, e após me levantar na enfermaria procuro por um isotônico para me recuperar e esperar a luta de Eagle, antes vou até Kiya e a parabenizo, foi nítido que ela se tornou uma ômega.

-Parabéns ligeirinha, você lutou muito bem! rs  

Vou para as arquibancadas no meio do povão para assistir as próximas lutas.

_________________
Ficha Herói:
 


Imagem:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Nexus
Membro
Membro
avatar

Mensagens : 161
Data de inscrição : 26/06/2014
Idade : 19

MensagemAssunto: Re: T4E09 - O Coliseu   Qui Fev 26, 2015 8:56 pm

Depois de acertar Valzack que fica com o rosto sangrando, vejo que ele parece se irritar e começa a tirar o oxigênio do local, não imaginei que ele faria isso logo agora. Começo a perder a consciência e numa ação desesperada para respirar tento esticar a parte superior do meu corpo até próximo da torcida, imaginei que ele não tentaria usar seus poderes e acabar envolvendo civis. Conseguindo respirar novamente, aproveitaria da parte superior do meu corpo já esticada, para jogar meu corpo para a frente e tentar acertar Valzack com uma cabeçada usando o mesmo conceito do meu soco giratório, esticar e inverter para adquirir velocidade posteriormente força.

- Morre logo sua Bicha.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Suporte
Moderador
Moderador
avatar

Mensagens : 289
Data de inscrição : 11/10/2013

Suprema Card
Nome Civil: John Mycroft
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E09 - O Coliseu   Qui Fev 26, 2015 9:29 pm

Contemplando os fatos é fácil concordar que a minha mais recente tática foi armadora e infeliz. Eu não levei em consideração o possível treinamento e inteligente que o oponente perante a mim deverá possuir. Fui estupido e o preço dessa estupidez foi a morte da energia de minha armadura, a inutilização de meus principais recursos e vantagem nesse xadrez. É como perder cavalos, bispos e torres em apenas uma jogada, em um único momento faz a diferença.
Eu não me abalo, eu nem mostro qualquer sentimento que poderá ser identificado precisamente em minha cara. Somente fico parado, observando sem emoção ou parcialidade querendo alterar meu próprio julgamento dos arredoes. Assisto mudamente o acido concentrado e nulo de ameaça atingir minha pele, vitimar esse solo com suas gotas. Passo meus olhos pelo tabuleiro da situação, correndo com eles tudo que posso enxergar a minha volta.
Continuo inerte, ouvindo as palavras do homem mais experiente. Como um jovem, eu relembro fugazmente dos eventos que percorreram sem conhecer a piedade no meu próprio passado. Lembro e relembro - me do que houve com Ela, o que aconteceu quando meu poder se revelava insuficiente. Eu não posso deixar isso ocorrer novamente e eu não vou. Provarei e transcenderei os limites de minha capacidade, tornarei - me poderoso o bastante para corrigir meus erros do presente e futuro. Sendo dos Guardiões cientes ou não necessariamente.
Essa mentalidade guia meus ossos no momento e fazem meu olhar nesse instante. Frieza se encontra nele, o frio que parece sempre está nele de alguma maneira. Porém, enquanto encaro caladamente Cubano, uma determinação aparenta nascer em meus olhos. Talvez, seja até assustadora, considerando o frio aspecto aonde ela mesma se acomoda em minha face e expressão.
Entretanto, isso não importa na minha equação. Eu me concentro no ultimo conceito e palavra que saiu dos lábios de meu adversário: Agir, agir antes que ele inicie sua ação nessa partida. Cautelosamente e atentamente busco procurar em minhas vestimentas e armadura caída aonde poderia localizar a faca que possuo em meu arsenal. Nesse processo,obviamente, não deixaria de calcular e refletir possíveis táticas e movimentos ao mesmo tempo.
* A rainha e peões é o que me resta nesse meu exercito teórico. Mais importante, é o que sobreviveu ao ultimo e recente ato. Eu perdi forças, fui obrigado praticamente a recuar e abrir mão do domínio da partida. As possibilidade de perder esse xadrez aumentaram, grandiosamente. Deter algum de sua experiência e vivência será complexo e até impossível. Por quando, não posso me permitir ao luxo de aceitar esse conceito agora. Se eu não conseguir detê - ló, as possibilidades de impedir que as causalidades e fatalidades dos Acordados, minha culpam, serão praticamente zero. Independente disso, eu acho melhor continuar trabalhando em minha tese inicial: Forçar seus músculos ao limite, cansa - ló ao seu máximo. Tendo possíveis muitos anos de prática, ele não deve cair em armadilhas. Esse é o problema e a solução paradoxalmente, eu não tenho a necessidade de armar para ele, só de deixa - ló sem opções e manipular seu caminho as claras. Os feromônios, inúteis na primeira jogada e mesmo assim, são os meios dessa resultante. Entenda, mesmo tendo ciência que podem ser rapidamente eliminados da soma, o próprio ato de vomitar para completar esse resultado há de consumir instantes, segundos. O suficiente para criar uma abertura em seu batalhão. E, considerando que senão abrir mão desse tempo x para impedir os feromônios, o próprio efeito dos mesmos irão declinar o cenário ao meu favor. Em todas as possibilidades citadas, alguma vantagem desse pesar positivamente para mim.*
Caso eu encontre minha faca, iria segurá - lá com firmeza e precisão. Vendo por um momento o meu codinome gravada em sua extensão entre meus dedos frios. É um recurso que raramente recorro em um embate, poucas foram as ocasiões que usei esse presente antigo. Acho que a vez de revive - ló e trazer sua lâmina arcaica para servir em pró aos objetivos que me guiam no agora. Tento da a impressão que irei correr, colocando os passos para trás como se fosse fugir. Seria esperado de minha parte. Mas, não quero que seja a realidade dessa atualidade.
Com um fugaz movimento de minha mão, prepararia para tentar calcular em minha mente a direção e angulo necessário para atingir o ombro de Cubano, sem nenhum efeito letal. Em sequência, visaria lançar os feromônios que visam a sonolência como consequência em meu adversário. Tentando no processo algo novo: Usar meus poderes para tentar aumentar a intensidade do cheiro dos feromônios, para deixar o odor mais potente.
Mantenho minha tese inicial, quando mais potência em seu vômito, mais deve ser o tempo necessário para causar a potencialidade necessária. Me aproveitando do tempo necessário de sua ação, tento lançar a faca em seu ombro quando tivesse uma abertura. Em fim, visaria avançar, ao tentar ativar a adrenalina do meu corpo ao limite (viso maior tolerância a dor e maior força nos golpes) em sua direção, querendo um combate corporal aonde miro e tento acertar pontos de pressão de seu corpo, principalmente, sua garganta e braços.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Jinx
Membro
Membro
avatar

Mensagens : 119
Data de inscrição : 11/08/2014
Idade : 19

Suprema Card
Nome Civil: Giovanna Marcelly
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E09 - O Coliseu   Sex Fev 27, 2015 8:42 pm

Era realmente estranho o fato de Vulpine apenas levar os golpes sem nenhuma reação, agora ele pateticamente protegia sua pélvis com as mãos.

-Você não precisa deixar isso tão fácil.

Lentamente sigo em sua direção para lhe aplicar dois tapas muito bem dados, um em cada lado do rosto. Eu  havia feito isso mais para irritá-lo do que para machucar, mas mesmo assim usaria toda minha força nesses dois golpes. Sem muito esforço, lhe aplico o mesmo golpe anterior, colocando minha perna próxima a sua e com uma cotovelada, derrubaria o homem.

-Eu sei que o grande Vulpine é melhor do que isso.

_________________
Mudei de novo sim! E se reclamar mudo outra vez <3:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Tremor
Membro
Membro
avatar

Mensagens : 259
Data de inscrição : 17/08/2013
Idade : 29
Localização : BELO HORIZONTE

Suprema Card
Nome Civil: Gregório Martinez
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E09 - O Coliseu   Sex Fev 27, 2015 10:33 pm

E uma honra lutar contra vocês dois e certamente não podemos nos basear pelo combate de hoje, e tu nero e o maior responsável pela nossa vitória, pena tudo isso ser em troca de nada apenas uma atração para a população e esses que se consideram fortes e poderosos, mas que não servem pra nada.
Faço saudações ao publico e continuo em direção ao local de atendimento médico para maiores cuidados, o que me intriga e esse circo de horrores, existe um mundo cheio de medo e horror fora de nossa província e nos aqui fazendo um papel de Gladiadores do novo milênio, sei que e ideia de Theo e Nero mas não vejo graça em toda essa selvageria, volto as minhas rezas e ao meu habitual sigilo em minha igreja para adorar a Deus e continuar a ter fé e esperança em um mundo novo aonde possamos viver em paz e não segregados em nosso território fugindo do mundo apenas por sermos diferentes.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Suprema
Administrador
Administrador
avatar

Mensagens : 614
Data de inscrição : 06/08/2013
Idade : 28
Localização : Belo Horizonte

Suprema Card
Nome Civil: Joana Novaes
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E09 - O Coliseu   Dom Mar 01, 2015 6:12 pm

26 de agosto de 2016, O Coliseu

Bugarski continua a comandar o evento, e recebe uma ligação de Blood Ice, com reclamação sobre o coliseu

Aposto que você diria o contrário se você fosse o vitorioso, relaxa picolé russo, vou te pagar uma boa vodka hahahahah

O mesmo acontece quando Damiani se aproxima de Jones.

Ascenda um cigarro e relaxe, isso foi apenas a grande estreia, é capaz no próximo ano as coisas acontecerem diferente

Spark conversa com Krisys que parece surpresa com o acontecimento, Suprema e os outros Canforas olham para a arena, é nítido o semblante de desaprovação de Joana para o evento, mas atada pelas leis locais se mantem inerte.

Segundo evento: Combate marcial categoria mista 2: Vulpine x Jinx

Jinx não se conforma com Vulpine estar imóvel, apenas se defendendo e segue em sua direção lentamente, o jovem não mostra reação. Ao aplicar os tapas Giovanna sente o rosto de Vulpine com um calor estranho e próxima a ele é notado sinais de febre, o jovem teleportador tem um suor gelado e mal consegue se manter em pé, e cai apos os tapas de Jinx, a garota prontamente o auxilia a deixar a arena. Roger segue ajudando Jinx a carregar Vulpine

-Final da segunda luta! A vitória é de Jinx! Celine, ajude-o!!!


Joana olha com certo ódio no olhar para Jones

É isso..... que te traz alegria Jones Stoichkov Statäinhoffen ? Estou extremamente desgostosa com isso e peço desculpas mas não quero ver o restante deste evento

Suprema parte sem falar mais nada

Terceiro evento: Combate marcial categoria masculina: Nexus x Valzack

Nexus com uma manobra inteligente estica a parte superior de seu corpo para longe, respirando novamente aliviado

Aaaaaaaa meu amor, usando the people para se proteger mona, não vale !

Então com correntes de vento Valzack começa a causar alguns cortes nas partes inferiores de Nexus, o jovem de borracha a aproveita a distancia e com um pequeno insulto se lança contra Valzack

EEEEEEEEPAAAAAA BICHA NÃO, PRA VOCÊ É DONA BICHA

O aerocinetico começa a fazer uma grande precipitação de vento entre ele e Nexus deixando uma boa massa de ar antes do impacto, causando um imenso estrondo sonoro, o que faz a todos tamparem seus ouvidos neste exato momento, quando os olhares voltam para a arena ambos estão desacordados

-Final da segunda luta! Empate !?! Como isso é possível ?

Sexto evento: Combate marcial categoria trios: Gadget, Suporte e Hagi x Eagle Eyes, Quorton e Cubano


Tremor segue sem ver a luta indo para o templo onde costuma orar, na arena um silencio toma o local ao ver a situação das lutas se complicando e apos algumas palavras de Gadget, Eagle Eyes e Cubano o grito de Titan é ouvido em todo o coliseu.

Eagle Eyes que sente o sangue pulsando mais forte, ela nota que sua visão parece melhor e inicia o movimento arremessando sua faca, mas Gadget já havia calculado tal ação se esquivando facilmente, então com um ataque rápido de chute que acerta em cheio, jogando Gadget ao chão, Peter esta acostumado a levar todo o tipo de dano, e geralmente se encontra em situações que o obrigam a ir ao limite de seu corpo e quando Letícia o ataca com socos não é diferente, usando as técnicas que aprendera com Titan e Treze, Gadget gira colocando Eagle Eyes na desvantagem e a imobilizando usando o arco como um auxilio para travar os braços da arqueira e apos outras palavras ele desiste da luta soltando Eagle Eyes.

Porra, Gadget, desiste ?

Suporte parte em direção ao seu traje para buscar sua faca, rapidamente encontrada e posicionada

Escute garoto, é melhor desistir, a situação vai se intensificar e logo sera derrotado, vamos evitar desgastes de ambas as partes

Então antes que pudesse começar a falar novamente Suporte se lança em corrida

Se assim deseja....

Cubano sem em seu encalço não notando o angulo perfeito calculado na mente de Jhon, logo Cubano sente sonolência o assolando, com uma brusca freada e com o vomito acido que novamente inibe os efeitos dos feromônios de Suporte

Não vê garoto, é inu....

A fala de Cubano é cortada ao receber uma facada no ombro, logo em seguida é afligido por um ataque de Suporte em seus pontos de pressão, e apos uma serie de ataques na garganta e no braço Cubano cai. Apos respirar um pouco aliviado Cubano se levanta, e com uma manobra um tanto quanto nojenta vomita em em um circulo fechado envolta dele e de Suporte, deixando-os apenas em um espaço curto de um braço, logo a faca de Suporte é cravada ao calcanhar de John e a de Cubano em seu próprio calcanhar.

Vamos resolver literalmente no braço

Apos alguns golpes em pontos de pressão e socos bem dados no estomago e rosto suporte cai e logo em seguida Cubano, restando somente Eagle Eyes apta a lutar

-Final da sexta luta! A vitória é de Eagle Eyes, Quorthon e Cubano!!!

O evento prossegue com muita diversão e um show de fogos deixa o espetáculo ainda mais empolgante, o próximo ano parece prometer ainda mais e a empolgação das crianças é mais alta que nos adulto, durante os dias que se seguem o assunto principal vem sendo o coliseu.
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://geracaosuprema.forumeiros.com
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: T4E09 - O Coliseu   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
T4E09 - O Coliseu
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 2 de 2Ir à página : Anterior  1, 2
 Tópicos similares
-
» T4E09 - O Coliseu

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Geração Suprema :: Geração Suprema - RPG :: 4° Temporada-
Ir para: