Geração Suprema


Antes da criação temos a Destruição.
 
PortalInícioRegistrar-seConectar-seFAQBuscar

Compartilhe | 
 

 T4E08-Cenário 1 - A União Mutante

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : 1, 2  Seguinte
AutorMensagem
Suprema
Administrador
Administrador
avatar

Mensagens : 614
Data de inscrição : 06/08/2013
Idade : 28
Localização : Belo Horizonte

Suprema Card
Nome Civil: Joana Novaes
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: T4E08-Cenário 1 - A União Mutante   Dom Fev 08, 2015 6:48 pm

09 de agosto de 2016 – Havana, Cuba

Gadget recebe um disparo de plasma jogando-o longe. O impacto, embora absurdo, mostra que seu novo sistema de defesa é bem mais confiável do que o anterior, prova de que o intelecto do gênio retornara a seu ápice.

Os inquisidores, munidos de diversas armas modernas e adaptáveis seguem com sua investida sobre a equipe designada. A batalha é ferrenha, indefinida. Os golpes encaixados pela equipe são eficazes, mas os inquisidores são como um bando de formigas, milhares.

A guerra é tão intensa que os membros da equipe quase esquecem o motivo de estarem ali.

Um dia antes, sala presidencial de Teenimac

-Não é mais uma questão de salvar mutantes ou humanos, Larissa. A guerra existe com três frentes. Os inquisidores, os Acordados e nós, mutantes. Todos se digladiando para, no final, haver um vencedor.

-Eu não sou burra, Humberto. Já entendi isso.  E é nisso que me baseio. Não é mais uma guerra contra um oponente, é uma guerra por sobrevivência. Temos que contra atacar, se ficarmos esperando sofreremos muitas baixas.

-Deixem a discussão de lado! O que devemos fazer, presidente?

Bugarski, pensativo, define após a indagação de Roger:

-Vamos recrutar gente.  Não podemos mais ficar apenas indo ali ou aqui. Vamos agir, correr arás de mutantes e mostrar que temos de estar unidos nessa nova configuração de mundo. Hagi, quero que procure o mutante que conhecemos como Cubano. É um idealista e acho que Gadget pode convencê-lo. Eu vou ao Rio Grande do Sul assinar um acordo.

A reunião acaba e Hagi vai até o olho seguindo a ordem de Bugarski. Ele consegue encontrar Cubano em seu próprio pais, na capital Havana. Passando a todos, uma equipe é dividida para a missão de recrutamento inicial, sendo eles: Gadget, Suporte, Spark, Tremor, Damiani, Kaboom, Blood Ice, Jinx, Nexus, Quorton e Eagle Eyes.

09 de agosto de 2016

Um destacamento de inquisidores, cerca de duzentos, se posiciona a frente e aponta sua armas mirando cada um dos membros da equipe. Um deles, trajando um protótipo similar ao de Suporte ordena:

-Fogo!

Atrás dele está o prédio onde Hagi detectara a atividade cerebral de Cubano e outros cinco mutantes.

OBS:   -As postagens devem ser efetuadas até as 19:00 hs de terça-feira, dia 10-02, de acordo com o horário de Brasília.
     -Jogam neste tópico os personagens: Gadget, Suporte, Spark, Tremor, Damiani, Kaboom, Blood Ice, Jinx, Nexus, Quorton e Eagle Eyes.
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://geracaosuprema.forumeiros.com
Spark
Membro
Membro
avatar

Mensagens : 302
Data de inscrição : 30/11/2013

MensagemAssunto: Re: T4E08-Cenário 1 - A União Mutante   Seg Fev 09, 2015 10:19 am

Eles estão em grande número o suor que escorre no meu rosto é uma pequena amostra do tamanho do problema, mau vejo meus companheiros no meio dessa confusão. Um aperto no peito vem mais forte doque um golpe recebido.

*Eagle... será que ela está bem?*

Descarrego uma corrente elétrica em torno do meu próprio eixo, para dispersar os inquisidores e assim respirar, sigo golpeando com socos e chutes elétricos, combinados com raios que buscam objetos metálicos com minha manipulação, que sirvam de arma.

-Filhos da mãe, que merda de coelho os pariu? Porque tido mundo quer ser padre hoje?

_________________
Ficha Herói:
 


Imagem:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Eagle Eyes
Membro
Membro
avatar

Mensagens : 180
Data de inscrição : 24/06/2014

MensagemAssunto: Re: T4E08-Cenário 1 - A União Mutante   Seg Fev 09, 2015 1:21 pm

Somos enviados à Cuba para procurarmos um grande mutante da região, porém não somos os únicos, pois a legião de inquisidores que nos recebe deixa isso bem claro.

Com um ataque em massa eles visam nitidamente separamos uns dos outros, disparo minhas flechas explosivas contra o Grupo de inquisidores que vem ao meu encalço.

Os que se aproximam são recebidos com golpes de defesa pessoal auxiliados pela minha faca de caça. Tendo me livrar rapidamente dos atacantes e afastar os que vem com disparos explosivos ocasionais.

_________________
Ficha Herói:
 


Imagem:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Jinx
Membro
Membro
avatar

Mensagens : 119
Data de inscrição : 11/08/2014
Idade : 19

Suprema Card
Nome Civil: Giovanna Marcelly
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E08-Cenário 1 - A União Mutante   Seg Fev 09, 2015 1:33 pm

Não se pode dizer que na ultima missão eu fui "útil", além se servir como alvo humano enquanto os outros lutavam a única coisa que tirei de lá foram hematomas, apesar de Krisys me ajudar bastante nesse aspecto. Fico feliz que ela tenha aprendido essa coisa toda de Medicina, realmente era uma habilidade que estávamos precisando muito, e estava agradecida por sua ajuda, apesar de não ter realmente demonstrado isso.

*Nota mental: tentar não ser pega de surpresa pra depois precisar ser "salva" como uma princesa em perigo.*


Estávamos em uma desvantagem numérica tão grande que chegava a ser demente a quantidade de soldados que os inimigos tinham, todos muito bem armados. Como se isso não fosse o suficiente eles ainda conseguem nos separar. Não estava muito preocupada com os outros, todo tinham ótimas habilidades de luta, mas eu não fazia parte dessa lista, pois meus portais funcionavam muito melhor em equipe.

-Eu odeio muito vocês, muito.


Me cerco com portais, tentando fazer algo como um escudo refletor, tudo que os atravessasse voltaria. Eu sempre fazia isso mas era muito mais difícil quando os inimigos estão por todos os lados. Esperava que eles desistissem alguma hora, e quando isso acontecesse eu me teletransportaria para o alto, visando encontrar um soldado mais separado e então o atacar por trás com minha faca de caça e a ajudinha de um portal para poder chegar perto sem ser notada e talvez não quebrar todos os meus ossos na queda. Não era um plano perfeito, na verdade poderia muito bem ser classificado como horrível, mas eu pegaria a arma desse soldado e começaria a atirar contra os inimigos que se aproximassem.

_________________
Mudei de novo sim! E se reclamar mudo outra vez <3:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Blood Ice
Membro
Membro
avatar

Mensagens : 421
Data de inscrição : 19/08/2013
Idade : 26

Suprema Card
Nome Civil: Hugh Irenia
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E08-Cenário 1 - A União Mutante   Seg Fev 09, 2015 3:21 pm

Apos a última missão somos convocados para uma reunião onde fica decidido lutar pela nossa causa, depois disso somos enviados para Cuba encontrar um mutante forte para nosso causa.
Passo antes no meu quarto e pego uma das armas que trouxe de uma das missões que participei, era usada por um dos inquisidores, após isso passo para ver a cora e logo sigo para viagem.
chegando no local encontramos vários inquisidores a luta começa e somos separados, usando minhas habilidades de lutas, procuro defender o máximo possível e atacar com socos munidos de rajadas de gelo, após uma folga tiro a arma que peguei e começo atacar com ela o mesmo, usando gelo para deixar o local a meu favor.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Gadget
Membro
Membro
avatar

Mensagens : 526
Data de inscrição : 18/08/2013
Idade : 29

Suprema Card
Nome Civil: Peter Heinz
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E08-Cenário 1 - A União Mutante   Seg Fev 09, 2015 6:30 pm

Pela primeira vez meu sistema de defesa se mostra 100% eficaz, mas não é hora de me animar, duas centenas de padres nos atacam, pelo estilo do traje e pela evolução dos guardiões sei que há uma grande mente por trás de tudo isso, não paro de pensar que essa igreja é apenas um fantoche, tenho uma teoria e vou coloca-la em pratica.

Vejo toda a equipe e noto que alguns membros já começam a agir, não vou interferir por agora, mas tentarei fazer um esquema de batalha perfeito poupando nossas energias e elevando nossas capacidades.

Gregório, comece fazendo um tremor que não os deixe mirar

Começo a voar e com disparos simples enquanto mantenho o traje absorvendo energia, assim me posiciono próximo a Jinx.

Vou precisar de um favor Giovanna, mantenha-se atenta

_________________
ITENS:
 



A mente que se abre a uma nova idéia jamais voltará ao seu tamanho original.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Kaboom
Membro
Membro
avatar

Mensagens : 334
Data de inscrição : 16/08/2013

MensagemAssunto: Re: T4E08-Cenário 1 - A União Mutante   Ter Fev 10, 2015 5:35 am

Sem Bugarski, Titan, Hago ou Phobus... Isso é tão estranho, ser a única da equipe original no campo de batalha. Não que seja importante, os outros já provaram seu valor em lutas intensas, só me senti muito veterana mesmo.

Os golpes não cessam, a luta intensifica e quase não me lembro daquele Fidel Castro que meu amado deseja recrutar.

Sem ter um líder natural ao qual obedeço, acabo observando a cena de Jinx e me compadeço:

-Péssimo plano, gatinha do futuro. Vou deixar ele menos pior!

Arremesso esfeRas atordoantes d explosivas dentro dos portais refletores de Jinx. Será meu adeus oficial a esta leva de inquisidores.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Suporte
Moderador
Moderador
avatar

Mensagens : 289
Data de inscrição : 11/10/2013

Suprema Card
Nome Civil: John Mycroft
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E08-Cenário 1 - A União Mutante   Ter Fev 10, 2015 10:44 am

Os olhos varriam esse cenário. O seu aspecto é cansado e ainda sim, o olhar consegue manter sua aparência analítica e indiferente para os demais fatores dessa equação. Era como um tabuleiro, uma partida que sofre com uma lotação de peões e uma escassez de lideres e generais para os amplos lados. Essa é minha opinião, continuar agindo e agredindo não será a solução permanente da situação. Os números são um peso considerável nessa balança, uma vantagem que teoricamente tem o poder suficiente para superar nossas forças nesta eventualidade.
O suor desce pela testa. As gotas são muito evidentes enquanto fazem seu caminho para esse solo. Chocando - se perto de onde se encontram meus pés parados e estáveis na mesma posição. Eles estão cansados e, ainda sim, vivos pela adrenalina que corre naturalmente pelas minhas pernas. Meu coração o bate, produz essa substância que me mantem alerta perante a batalha. A sobrevivência, a ambição. São por essas características que a maioria continua aqui, nesse xadrez em tempo real.
A violência continua existindo aqui. As armas e corpos caídos em um relativista conceito de distância somente provam esse ponto quase sem uma prática importância nessa soma. Eu apenas continuo respirando profundamente e calmamente, como se estivesse tentar reunir concentração e mais objetividade perante a situação. Em outros termos, eu me resumo a esperar e aguardar o próximo turno desse tabuleiro.
Posso ouvir. Sou capaz de notar. É bastante obvio e evidente sua aproximação. Os passos se aproximando e apontando suas armas em nossa direção. Uma palavra, só um termo e o início do movimento inimigo poderia ser dado como real. Eu apenas tinha, devidamente, alguns instantes para escolher a opção mais viável perante essa rua larga. Visando escapar dos disparados, tentaria assumir voo e ficar em uma altura distante e segura.
* O meu corpo realmente não prefere a linha de frente. Não adiantará lançar uma ofensiva sem tática nessa causalidade realista. Em tese, poderei utilizar o fato de está nas alturas ao meu favor e assim, conseguir uma percepção satisfatória da totalidade das circunstâncias.*    
Com essa mentalidade, visaria escanear, usando o Scanner da armadura (Caso a mesma tenha esse recurso) para estudar rapidamente e detalhadamente o cenário ao meu redor. Dando, obviamente, uma atenção maior para confirmar se existem civis e potencias danos colaterais nas proximidades. No cenário do resultado dessa pesquisa indicar uma resposta negativa para a questão, partiria na tentativa de iniciar meu plano.
Utilizando a Cyber Mente, viso calcular na velocidade e precisão de um computador, a intensidade e ângulos de disparo necessário para desabar os prédios e casas próximas aos Inquisidores. Com o objetivo de deixar os destroços, matematicamente precisões, em uma posição que deixasse mais estreito a zona de movimentação e reação dos reforços recém chegados além de, potencialmente, deter alguns deles no caminho. Após os pensamentos, iria tentar começar os disparos para tornar isso uma realidade.
Após isso, viso manter distância e inutilizar o máximo de armas que eu conseguisse com a telecinesia tecnológica nas mesmas.
----------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Observação: Qualquer informação extra, foi devidamente, dada pelo mestre. Agradecimentos ao mesmo.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Tremor
Membro
Membro
avatar

Mensagens : 259
Data de inscrição : 17/08/2013
Idade : 29
Localização : BELO HORIZONTE

Suprema Card
Nome Civil: Gregório Martinez
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E08-Cenário 1 - A União Mutante   Ter Fev 10, 2015 11:12 am

Esses inimigos se multiplicam de uma forma espetacular, sera que os contribuintes sabem que o que eles pagam para que essas máquinas existam. Ainda vou ter essa resposta vejo o ataque deles em Peter primeiro.
_ Sua defesa ta boa mesmo hein segurou o ataque deles todo, pode deixar que vou fazer isso.
Faço a minha armadura enquanto falo, e já faço o tremor levantando parte da terra a uma altura de 1 metro e faço o tremor de uma vez, acertando de frente as máquinas fazendo com que a barreira vá para frente acertando todos e deixando com que os ataques de Esther sejam eficazes em todos os inimigos.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Damiani
Membro
Membro
avatar

Mensagens : 309
Data de inscrição : 17/09/2013
Idade : 28

Suprema Card
Nome Civil: Evans Valladares
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E08-Cenário 1 - A União Mutante   Ter Fev 10, 2015 3:23 pm

depois de voltar da ultima missão, volto a estar 100% o que quer dizer que estarei em perfeitas condições agora que temos que ir para Cuba. o Plano parecia perfeito, encontrar o tio e voltar. porem como nada pra gente é facil.

Vejo a leva de inquisidores e a cada dia que passa fico mais revoltados com esses caras. vejo que todos seguem para o ataque sem nenhuma coordenação. * melhor manter assim, caso as coisas apertem entro no meio.

Voo e observando a movimentação de todos olho para onde tem mais inquisidores concentrado e tento algo novo. usando minha telecinesia faço um globo e concentro a energia das minhas rajadas dentro desse globo assim que estiver pronta arremesso no meio dos inquisidores.

- É vamos ver o que acontece.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Quorthon
Teen
Teen
avatar

Mensagens : 6
Data de inscrição : 11/12/2014
Idade : 22
Localização : BH/MG

Suprema Card
Nome Civil: Tomas Forsberg
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E08-Cenário 1 - A União Mutante   Ter Fev 10, 2015 3:33 pm

Que coisa...Vou tentar deixar as coisas iguais por aqui!

Minha ideia é criar  ilusões em larga escala para distrair o maior número de oponentes. Faço cópias de mim mesmo(desaparecem ao sofrer um ataque, não chegam a atacar, apenas dançam,zombam e simulam alguns ataques)
Entre as cópias cá estou, ajudando...Tomo a retaguarda de Spark após ele dispersar os inimigos...:

Hey...Psiu,Hey cara! Você bate muito forte, eu fiquei chocado HAHAHA.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Nexus
Membro
Membro
avatar

Mensagens : 161
Data de inscrição : 26/06/2014
Idade : 20

MensagemAssunto: Re: T4E08-Cenário 1 - A União Mutante   Ter Fev 10, 2015 4:16 pm

Sou enviado para uma nova missão, aparentemente de recrutamento. Chegando no local da missão antes que possa respirar direito, vejo vários inquisidores. Parece que o numero de inquisidores apenas aumenta, já deve ser a máfia anti-mutante maior do mundo.

Corro na direção dos inquisidores e começo a usar meus socos giratórios, para me defender usaria um inquisidor como escudo.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Suprema
Administrador
Administrador
avatar

Mensagens : 614
Data de inscrição : 06/08/2013
Idade : 28
Localização : Belo Horizonte

Suprema Card
Nome Civil: Joana Novaes
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E08-Cenário 1 - A União Mutante   Ter Fev 10, 2015 5:56 pm


09 de agosto de 2016 – Havana, Cuba

A luta é travada de uma forma pouco usual, carregada de erros interpretativos, onde cada um (em sua maioria da equipe) percebe-se em situações muito distantes da realidade a qual enfrentam. Um mutante mais perspicaz poderia, facilmente, achar que se tratava de uma brincadeira ilusionista do mágico Thomas.

Assim, de forma que, contam muito mais com o acaso do que com a própria programação, a equipe desfere um golpe combinado bastante eficaz.

Spark usa movimentos inúteis, tentando dispersar inimigos que não existem ao seu redor, tal qual Eagle Eyes e Blood Ice. A cena, não fosse a momento tão intenso, seria digna de uma coreografia do Cirque Du Soleil. Sorte que Gadget, munido de seu intelecto, projeta um plano inicial, contando com a ajuda de Tremor. Segue-se um conjunto de fatores que dificilmente funcionaria, caso fosse combinado.

Quorton cria ilusões extremamente palpáveis aos inquisidores, levando-os a mirar diretamente a Spark, Jinx e Tremor. Os tiros subseqüentes são ou barrados pelo grande muro de terra criado por Tremor ou revertidos contra os atacantes, ora pelos portais refletores, conjurados por Jinx; ora pelos raios de Spark, que gerariam um campo elétrico onde ele usa sua condução metálica. Aproximadamente oitenta inquisidores tombam ao chão, em sua maioria morta, outros feridos gravemente. Para aumentar esta contagem, Kaboom arremessa esferas atordoantes e explosivas contra os portais de Jinx, tornando mais uma leva de cerca de vinte inquisidores, cinzas e sangue.

Do sucesso inesperado, mais ações tomam forma e potencialidade. Eagle Eyes acerta flechas explosivas em alguns inimigos; Blood Ice congela parte do terreno, afetando apenas a sua reta e os inquisidores que são um alvo fácil antes de recarregarem suas armas, utilizando de sua pista para ganhar impulso, ele acerta com um bastão herdado de sua última missão, vários inquisidores que não resistem aos golpes colocados; Gadget atira de forma simples, esperando absorver alguma energia(conseguindo a solar), derrubando alguns inimigos; Tremor compõe sua armadura e consegue desestabilizar inquisidores para golpes subseqüentes, como a investida de Nexus com seus socos giratórios e um inquisidor combalido de escudo.

Jinx, Suporte e Damiani finalizam a leva de inquisidores, levando-os ao chão de forma espetacular. A garota usa um portal rumo aos céus, de onde tem visão privilegiada, escolhendo um inimigo mais distante. Criando outro portal ela se teleporta nas costas do soldado alvo, cravando-lhe a faca na nuca e pegando sua arma. Sem pestanejar, Giovanna atira contra inquisidores que na esperavam tal ação. Já Damiani, com seu braço recuperado, alça vôo e inova, criando um globo onde concentra sua energia telecinética. Ao finalizar a grande bola de energia, ele arremessa no meio dos inquisidores, acabando de uma vez com um bom número. Restam cerca de vinte inquisidores que não largam seus postos mas, Suporte, ao voar e escanear a área com seu traje(sim, isso é possível), calcula dentro de sua Cyber Mente a possibilidade de reduzir prédios ao redor, destruindo suas bases de sustentação e tornando o caminho dos inimigos mais estreito, deixando-os em desvantagem. Sua telecinesia tecnológica não funciona como quer devido ao fato das armas presentes serem manuais e possuir pouca ou nenhuma tecnologia. Com disparos potentes, exaurindo as capacidades de seu traje, ele consegue colocar um prédio desativado ao chão, soterrando os inquisidores. Sobra apenas um inquisidor em pé, o que possui o traje.

O inimigo solitário logo recebe a ajuda de companheiros, exatamente doze, todos trajados de forma similar.

-Já que venceram os peões, hora de enfrentar os bispos!

Dois partem contra Gadget, voando de forma sincronizada ao redor do gênio. Dois fazem o mesmo contra Tremor e o restante mantém a estratégia de um contra um. Pela primeira vez, os inquisidores deixam de imprimir uma vantagem numérica e não adquirindo uma posição de proteção ao prédio as suas costas.

Spark:
 

Tremor:
 

Suporte:
 


OBS: -As postagens devem ser efetuadas até as 19:00 hs de quarta-feira, dia 11-02, de acordo com o horário de Brasília.
-As situações narradas em spoilers são referentes apenas aos personagens designados, embora a leitura seja livre. A leitura é obrigatória aos designados.
-Jogam neste tópico os personagens: Gadget, Spark, Tremor, Damiani, Kaboom, Blood Ice, Jinx, Nexus, Quorton e Eagle Eyes.
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://geracaosuprema.forumeiros.com
Gadget
Membro
Membro
avatar

Mensagens : 526
Data de inscrição : 18/08/2013
Idade : 29

Suprema Card
Nome Civil: Peter Heinz
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E08-Cenário 1 - A União Mutante   Ter Fev 10, 2015 6:45 pm

A cada dia que passa eles me surpreendem mais, vamos testar o traje deles em comparação ao meu, aproveitando isso vou quebrar tal sincronismo.

*Mobilidade*

Voo alto e sigo tomando a frente deles, em seguida disparo para trás ( em direção aos meus perseguidores) os fazendo perder a visão por um momento me dando tempo mais que necessário para com uma manobra ficar atras deles, assim mesmo se voltarem a sincronizar terei controle de suas posições.

*Agora resistência*

Ainda aproveitando que estão recuperando sua visão, disparo contra um deles uma rajada de gelo contra os propulsores do traje, fazendo-o despencar.

*Poder de ataque*

Enquanto congelo o traje de um dos alvos me preparo para o ataque de meu outro inimigo, me agindo de acordo com seu ataque absorvendo caso seja um disparo de energia ou o anulando caso seja outro tipo.

Miro contra o Inquisidor restante e com uma variação de cargas o derrubo.

Tremor terá dificuldades, mesmo não me dando bem com ele não posso permitir baixas aqui.

Gregório não sei como é a geocinese para você mas creio que você consegue fazer "homens de pedra" para lutar em seu lugar ou apenas para te dar um auxilio

Começo a avançar em direção ao prédio, mantenho toda a equipe em meus sensores, caso necessário ajudarei de longe. Enquanto avanço pergunto a Hagi pelo comunicador.

Humberto, preciso saber se há mais pessoas fora mutantes dentro do prédio

_________________
ITENS:
 



A mente que se abre a uma nova idéia jamais voltará ao seu tamanho original.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Blood Ice
Membro
Membro
avatar

Mensagens : 421
Data de inscrição : 19/08/2013
Idade : 26

Suprema Card
Nome Civil: Hugh Irenia
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E08-Cenário 1 - A União Mutante   Ter Fev 10, 2015 7:58 pm

Uma viagem sem perceber, pensando estar lutando com inimigos mais nao era verdade isso foi estranho mais deu certo, após destruir os peões vem os bispo.

Então eles são peões?
vocês são viado?


Vejo um bispo vindo voando, o traje me lembra bem o do suporte, congelo meu corpo e aproveitando o chão ja congelado espero ate o momento perfeito, onde consigo desviar e acerta o mesmo com um parede de gelo criado dos meus pés, fazendo eu dar uma cambalhota para trás, apoiando minhas mãos ao chão uso rajada de gelo para impulsar para cima e pulo em cima do mesmo criando pontos de espinhos super fortes danificar armadura do mesmo , quando cair por cima uso rajada de gelo na parte mais vulnerável da armadura para desativar a mesma e pode ajudar os outros companheiros.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Suporte
Moderador
Moderador
avatar

Mensagens : 289
Data de inscrição : 11/10/2013

Suprema Card
Nome Civil: John Mycroft
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E08-Cenário 1 - A União Mutante   Qua Fev 11, 2015 10:54 am

Minha cabeça lateja. Como se estivessem gritos e falas em meus pensamentos. A concentração é uma tarefa difícil e ainda sim, distante de ser impossível. Eu não sei como descrever logicamente. Talvez, a lógica em si preferiu se manter omissa dessa equação e questão. Eu não sei, só tenho ciência do que estou ouvindo em minha mente e sentidos empíricos. Era como uma discussão, uma que parecia familiar para mim.
Se eu fosse literal, diria que aqui somente havia de existir destroços e corpos caídos. Seria uma analise que não estaria errada, seria uma conclusão que estaria longe de ser uma mentira entre os fatos. Mas, no fundo, eu saberia que haveria de existir algo mais aqui. Eu não tinha inteligência o suficiente para identificar o que estou escrevendo em meus pensamentos. Era bastante confuso e quase enlouquecedor.
Eu não demonstrava meus sentimentos e emoções para o exterior. Mantinha minha expressão e linguagem corporal séria e objetiva. Eu apenas olhava do alto de onde estava, observava a cena em sua totalidade. A rua parecia marcada por marcas de uma batalha e no meio disso, minha imaginação teorizava sobre a possibilidade de quantos cadáveres foram criados nessa causalidade e principalmente, quantos deles poderiam ter sido atribuídos a minha culpa.
Eu fui praticamente acordado desse estado. Meu rosto analítico é capaz de sentir a energia reduzida de meu traje. Em uma questão de bom senso e preservação tática de forças, viso recuar para o chão e fazer meus pés abraçarem a solidez do solo. Não demorou muito para eu perceber. Sua existência suave, o calor humano que repousa ao meu lado. Era difícil controlar os sentimentos, manter a intuspectividade da minha face. Os ossos lutavam entre si para ter coragem de toca - lá. Minha voz confrontava a racionalidade para perguntar, para confirmar a miragem e ilusão que estava aqui.
Eu movia meus dedos um pouco, pensando em tocar seu rosto. Esperando que aquilo comprovasse a falsidade que estou vendo. Mas, desistir. Recuei minha mão, sem desejar solucionar essa resultante agora. Estava surpreso, por mais, que tentasse ao máximo não mostrar isso. Por mais, que aquilo se demonstrava o pior desafio para meu autocontrole nos últimos messes. Tinha outro, Guilherme. Eu não me importava tanto com sua presença no momento.  Kim. Ela importava. Eu cedi, esqueci a realidade por alguns instantes eu acredito. Seus olhos cinzentos capturaram minha atenção, minha curiosidade.  Eu poderia está vendo ela viva aqui? Eu podia ouvir sua suave voz novamente? Eu tinha ela a meu lado mais uma vez?
Porém, como um sonho, fui levado a consciência da realidade. Eu podia ver o inimigo em minha direção. E, diferente das demais ocasiões, o foco parecia ser algo complexo. Não vou mentir, meus pensamentos sempre voltavam para ela. Ainda que ao exterior minha expressão continuasse fria, eu estava quente em meu interior. Talvez, por isso, busquei usar meus poderes de forma distinta. Esquecendo da objetividade da tecnopatia, tentei basear meu ato mais no instinto. Tentando por força bruta e determinação invadir o sistema de sua armadura com minhas capacidades. Em seguida, visaria acessar sua matriz de energia e destruí - lá, sem me importar com as partes que teria que danificar ou destruir no processo também. Entretanto, obviamente, não havia desejo de matá - ló nisso. Apenas neutraliza - ló.
* É complexo manter o profissionalismo. Não consigo para de retornar para ela. Eu preciso derrubar essa ameaça perante a minha pessoa rapidamente. Ser veloz, a qualquer custo. Não posso esperar, preciso perguntar algo a eles. Necessito perguntar algo a Kim.*    
Após a finalização da ação, visaria em um volume de um sussurro e com um tom extremamente emocional perguntar para Kim:
- Vocês não são reais. Não podem ser. Você morreu cientificamente, Kim. Vocês devem ser somente uma alucinação ou charada para testar minha sanidade não é? A real você, ela faleceu, eu tenho ciência racional disso. Eu vi. Eu senti. Foi minha culpa. - Falo discretamente, esperando que ninguém além de mim pudesse ouvir.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Kaboom
Membro
Membro
avatar

Mensagens : 334
Data de inscrição : 16/08/2013

MensagemAssunto: Re: T4E08-Cenário 1 - A União Mutante   Qua Fev 11, 2015 12:07 pm

Sucesso involuntário, não é nossa primeira vez, somos velhos conhecidos.

Os irritantes inquisidores agora estão usando as roupitchas de Sup e Gadget, quanta originalidade!

Ei! Como assim preferem atacar Tremor e Gadget de forma mais contundente!? Eu estou aqui e sou o maior perigo que podem enfrentar!

O inimigo que voa rumo a mim vai ter uma surpresinha! Espero-o em posição de guarda, mantendo minha bolsa de esferas em mãos. Ao chegar próximo, faço uma explosão vetorizada em seu rosto.

-KABOOM! Nunca deixem a primeira dama livre, idiotas! Sou sua maior ameaça!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Spark
Membro
Membro
avatar

Mensagens : 302
Data de inscrição : 30/11/2013

MensagemAssunto: Re: T4E08-Cenário 1 - A União Mutante   Qua Fev 11, 2015 3:35 pm

Após uma ataque combinado na cagada, confesso que não estava muito concentrado e não sei bem como, mais paguei um mico no meio de Cuba.

Porém o mais importante é que conseguimos bater todos os "peões" inquisidores, nos restando o xerox do suporte, que chama seus amigos.

Vejo a chegada do "Bispo" que vem em minha direção, sei que a defesa seria a melhor opção, porém isso não existe no dicionário de um hiperativo.

Aumento a minha adrenalina, com pequenos pulsos elétricos em meu próprio corpo e tonifico minha pernas para que consiga velocidade, para então partir e usar a soma da minha com a dele para aplicar uma cotovelada giratória no único lugar desprotegido de seu uniforme, a cabeça.

_________________
Ficha Herói:
 


Imagem:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Tremor
Membro
Membro
avatar

Mensagens : 259
Data de inscrição : 17/08/2013
Idade : 29
Localização : BELO HORIZONTE

Suprema Card
Nome Civil: Gregório Martinez
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E08-Cenário 1 - A União Mutante   Qua Fev 11, 2015 3:55 pm

Escuto as recomendações de Gadget e sou cercado por dois adversários, é uma situação muito difícil, lhe dar com adversários fortes é muito temeroso, ainda mais quando tenho dois adversários fortes, mas tenho de traçar uma boa estratégia para eliminar os inimigos, estou cercado e com a armadura, tento suportar o máximo de tiros que puder enquanto manipulo a terra para formar dois blocos grandes, com esses blocos observo o posicionamento dos adversários e faço uma movimentação para arrastar os dois junto com o dois blocos para um local aonde eles se encontrem e esmaga-los de vez, continuando com a minha armadura forjada, para suportar os golpes.

 _ É uma excelente ideia peter mas vou fazer diferente so porque foi você que deu a ideia, mas não deixa de ser genial, vou usa-la contra você em breve.

 Aguardo a concretização do ataque enquanto, rezando para que tudo dê certo e que os meus ataques e dos meus companheiros funcionem.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Jinx
Membro
Membro
avatar

Mensagens : 119
Data de inscrição : 11/08/2014
Idade : 19

Suprema Card
Nome Civil: Giovanna Marcelly
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E08-Cenário 1 - A União Mutante   Qua Fev 11, 2015 3:55 pm

Meu plano surpreendentemente havia dado certo, com a ajudinha dos meus portais e minha mais nova aquisição: uma arma maravilhosamente perfeita, conseguimos acabar com a enorme vantagem numérica que eles tinham. Mas ainda não havia acabado, nunca é tão fácil assim. Novos inimigos aparecem, todos com armaduras extremamente parecidas com a de Suporte, a maioria parte contra Gadjet e Tremor, o que eu acho bem ofensivo.

-Porque não trazem logo o Rei pra podermos acabar com essa partida entediante?

O que eu achava mais intrigante era que eles pela primeira vez pareciam esquecer dos prédios que antes defendiam com tanto zelo. Não tenho muito tempo pra pensar sobre isso por um dos "bispos" está voando na minha direção. Miro com minha arma na direção do inimigo e começo a atirar, ao perceber que ele estava chegando próximo, imediatamente criaria um portal em sua frente, para teletransportá-lo logo atrás de mim, fechando-o tão rapidamente quanto o havia aberto, para ter certeza que conseguiria arrancar ao menos uma parte de seu corpinho.

*Não é questão de ser certo ou errado, não tenho mais que ser um exemplo, vou ensiná-los a não mexer comigo.*

_________________
Mudei de novo sim! E se reclamar mudo outra vez <3:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Eagle Eyes
Membro
Membro
avatar

Mensagens : 180
Data de inscrição : 24/06/2014

MensagemAssunto: Re: T4E08-Cenário 1 - A União Mutante   Qua Fev 11, 2015 3:56 pm

Após conseguirmos derrotar o grande número de inimigos, sobram os auto-proclamados Bispos.

Miro e disparo duas flechas explosivas aos pés do que vem em minha direção para frea-lo e distra-lo, e em seguida disparar duas flechas de impacto contra sua cabeça.

_________________
Ficha Herói:
 


Imagem:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Damiani
Membro
Membro
avatar

Mensagens : 309
Data de inscrição : 17/09/2013
Idade : 28

Suprema Card
Nome Civil: Evans Valladares
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E08-Cenário 1 - A União Mutante   Qua Fev 11, 2015 4:20 pm

Nosso ataque funciona como o esperado, observo e vejo que todos estao bem, porem eis que chegam os "Bispos" e creiovque nao serao um problema, eles veem em um ataque conjunto.

* Esse cara só pode de ta de brincadeira em vim me atacar de frente.

Observo meu atacante e desvio de futuros ataques e os que nao der pra desviar me protejo com meus escudos, quando vejo que eles esta perto o suficiente com minha manipulaçao o jogo direto para o chao, em sequencia pego os destroços ao meu redor e o alvejo nao dando tempo para que ele respire.

- Jinx e Gadget, nao pdemos esquecer o porque estamos aqui. Vao na frente que nos seguramos as pontas por aqui.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Suprema
Administrador
Administrador
avatar

Mensagens : 614
Data de inscrição : 06/08/2013
Idade : 28
Localização : Belo Horizonte

Suprema Card
Nome Civil: Joana Novaes
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E08-Cenário 1 - A União Mutante   Qua Fev 11, 2015 6:49 pm

Batalhas ocorrem simultaneamente em situações dispares.

Spark aumenta sua adrenalina com pequenos pulsos elétricos em seu corpo, tonificando seus músculos das pernas gerando-lhe uma grande velocidade. Com este trunfo, o garoto hiperativo parte em disparada, se antecipando contra o inimigo aplicando uma cotovelada ao girar sobre o eixo do próprio corpo. O golpe bem aplicado é mirado na cabeça do inimigo, mas passa por pouco acertando o traje. A velocidade do vôo não fora calculada corretamente pelo garoto Theo. Mesmo assim o bispo cai no chão com o golpe e Spark sente uma forte dor no seu cotovelo.

Jinx reclama do “jogo de xadrez” e atira com sua arma contra o inimigo. Seu treinamento nulo em tiro ao alvo acaba se mostrando muito visível, errando todos os tiros num alvo que se movimenta no ar. Mas seu próximo passo fora muito bem treinado, os portais cortantes. Conjurando um de seus discos bem a frente do inimigo, consegue fazê-lo passar pelo portal, com destino as costas da garota, fechando-os a extrema velocidade. Nem a grossa camada metálica do traje e capaz de conter a força do espaço a se fechar e o bispo jaz em duas partes.

Blood Ice congela o próprio corpo, dando a ele total liberdade em seu espaço congelado. Ele cria uma parede de gelo, saindo de seus pés para o inimigo trombar. Antes que isso possa ocorrer, o russo dá uma cambalhota para trás, colocando a mão ao chão e soltando uma rajada para dar-lhe impulso para o alto. Criando espinhos resistentes ele mira a armadura do oponente. O golpe é plasticamente interessante, o bispo inquisidor tromba na parede, destruindo-a mas estatelando-se ao chão. Os espinhos de Blood, embora resistentes, não passam pela couraça da armadura e, ao procurar o ponto fraco da armadura, recebe uma série de disparos plasmáticos que o jogam a metros. Não fosse sua forma de gelo, seu corpo teria sofrido estragos muito maiores do que as dores na região estomacal.

Confuso, Mycroft não consegue se concentrar com precisão. As visões que lhe afetam são um misto de sentimentos. Mesmo assim ele procura agir, invadindo o sistema da armadura e destruindo sua matriz de energia. O que ele não contava é que sua mente confusa não seria capaz de enfrentar um sistema tecnológico autonômico poderoso. O garoto é expulso da armadura e vê o bispo acertar um golpe poderoso que acerta Kim(apenas na visão de Suporte) e a ele próprio. Os dois caem, mas, ao se levantar, Suporte vê Kim com um imenso ferimento, como se estivesse morta e Guilherme a te olhar, com desaprovação.

Damiani aguarda um contato mais próximo e é contemplado com uma manobra que parece ser realizada por alguém que desconheça sua habilidade. Sem dificuldades ele manipula o inimigo ao chão, seguindo com um ataque telecinético de destroços. O inimigo não resiste e Damiani relembra Jinx e Gadget do objetivo central da missão.

Nexus recebe um disparo frontal, contra sua face. O golpe plasmático desfigura o rosto do garoto que, tombado, se contorce no chão, sentindo o rosto queimar.

-Lixo mutante!

Escaneando o garoto, o inquisidor tem uma surpresa:

-Você não é um mutante?!

Quorton não consegue reagir contra um inimigo que parece superá-lo em todos os aspectos. O golpe vem do alto, acertando o rosto do mágico. O bispo continua com socos e chutes bem colocados, minando a energia de Quorton. Com o braço esquerdo, o bispo desfere um potente golpe com a força de seu traje, deitando Quorton, com as forças bastante reduzidas.

Gadget resolve testar o seu traje em comparação ao dos bispos. Ele voa alto, tomando a frente dos inimigos e atirando para trás cegando os oponentes momentaneamente. Assim sendo, o gênio toma as costas dos oponentes sem ser percebido e atinge um deles, usando o DNA de Blood(que ele retira de um compartimento onde guarda vários tipos de cabelos de seus companheiros, coletados clandestinamente), congelando o propulsor do traje de imediato, fazendo o inimigo se estatelar ao chão, morto. Contra o outro Hagi parte para um combate e é atingido por um tiro de plasma, que o oponente utiliza visivelmente transtornado. O plasma é absorvido e Gadget devolve a carga com força quadruplicada. Os dois inimigos de Gadget são completamente neutralizados (na verdade mortos) e ele segue a auxiliar Tremor com conselhos. Sem perder tempo, Peter segue até o prédio e faz um pedido para Hagi que não atende, parecendo nem escutar.

Tremor gera dois blocos de terra com sua geocinese. O movimento é um pouco custoso e graças a sua armadura ele consegue neutralizar os tiros recebidos, não tão contundentes como o esperado. Munido de seus blocos, Tremor espera por um momento para esmagar seus oponentes contra alguma parede. Seu movimento de terra, movendo os blocos é interessante, mas ainda pouco eficaz por ser uma técnica desenvolvida no momento. Assim, a armadilha não funciona corretamente e os inimigos conseguem sincronizar um golpe potente, vindo de dois lados, destruindo a armadura de terra do padre, restando-lhe apenas seu corpo aleijado. Ambos os inimigos miram, carregando seu plasma, planejando pulverizar Tremor.

Kaboom fica irritada por se sentir desdenhada pelos oponentes. Isso acaba não impedindo que a jovem Rotschild crie um belo plano. Ela mantem sua guarda, segurando sua bolsa de esferas. Pouco antes dela receber o impacto do vôo do oponente inquisidor, ela vetoriza a explosão de todas as esferas contra o corpo do oponente. O golpe encaixa perfeitamente, mas, para sua surpresa, é completamente absorvido:

-Adaptação, traidora!

O inimigo, munido de força incomum, castiga Esther com socos potentes no melhor estilo boxe.

E estratégia de Eagle Eyes é simples, mas eficaz. Com sua visão apurada ela consegue usar duas flechas explosivas contra os pés do inimigo, que voa e deixa os pés pouco aparentes. Com o golpe, o corpo do inimigo se projeta verticalmente e ela tem tempo para acertar duas flechas de impacto na cabeça do inimigo, tombando-o.

O inquisidor que enfrenta Spark se levanta e é possível ver que ele está carregado de eletricidade, sugada do golpe de Spark. Mesmo não usando um golpe elétrico, a energia de tonificação acabara transpassando pelos poros de Theo e sendo absorvida pela armadura. O bispo mostra sua adaptação ao raje agindo de forma tão veloz como Spark e o atacando com golpes de karate.

Após ser ignorado por Hagi, Gadget recebe um golpe em suas costas, completamente inesperado. Ao se voltar para ver seu oponente ele tem uma impressionante visão: É Nyx, sua antiga companheira tecnológica:

-Peter Heinz, o criador. Desativar sistemas de defesa, iniciar protocolo 2.

Gadget percebe que seu traje é desligado, ainda perplexo com o acontecimento


OBS: -As postagens devem ser efetuadas até as 20:00 hs de quinta-feira, dia 12-02, de acordo com o horário de Brasília.
-Jogam neste tópico os personagens: Gadget, Spark, Tremor, Damiani, Kaboom, Blood Ice, Jinx, Nexus, Quorton e Eagle Eyes.

Voltar ao Topo Ir em baixo
http://geracaosuprema.forumeiros.com
Gadget
Membro
Membro
avatar

Mensagens : 526
Data de inscrição : 18/08/2013
Idade : 29

Suprema Card
Nome Civil: Peter Heinz
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E08-Cenário 1 - A União Mutante   Qua Fev 11, 2015 8:08 pm

Ignoro completamente a fala de Evans, e começo a rir quando Gregório fala tamanha besteira mas sou surpreendido duas vezes, a primeira por Nyx estar na ativa e segundo por ela me atacar

Então minha assistente se decidiu voltar contra mim, Nyx ou devo dizer Nano Yarn modelo X, você não tem poder aqui

O nanobot que ainda se encontra em minha corrente sanguínea pelo comando de voz reativo o traje

Reativar modelo NTS-110, você foi de grande ajuda no passado Nyx e devo considerar que você irá se render e que possamos juntos libertar o mutante prisioneiro, ainda tenho o seu processador central em um pen drive planejava te reconstruir como parte da minha nova "policia", substituindo os imperfeitos guardiões, se foi capaz de desativar o traje sei que ainda mantem sua inteligencia

Meu autônomo é mais forte que eu, mas ainda sim é MINHA criação, enquanto ela ouve minha fala com meus olhos treinados de inventor e esperando que ela já desative o traje ativo as gadgets que sempre trago nos braços, as ferramentas. com uma propulsão dos pés começo a desmontar Nyx sem danifica-la

_________________
ITENS:
 



A mente que se abre a uma nova idéia jamais voltará ao seu tamanho original.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Blood Ice
Membro
Membro
avatar

Mensagens : 421
Data de inscrição : 19/08/2013
Idade : 26

Suprema Card
Nome Civil: Hugh Irenia
Itens:
Poderes:

MensagemAssunto: Re: T4E08-Cenário 1 - A União Mutante   Qui Fev 12, 2015 10:31 am

*merda, calculei mal o ataque agora estou com essa dor.
Droga desse jeito quando for encontrar com a minha garota vou cheio de ematomas.*


O pensamento logo e afastado com a presença do bispo a minha frente, então penso.

* ainda a vantagem no campo para eu, mas mesmo assim um erro e posso me ferrar completo, sendo hora de usar plano B.
Mais qual seria?*


Enquanto penso fortifico minha armadura e começo a usar o chão para ganhar velocidade e impulso para um ataque, fico de olho no bispo para desviar nos ataque do mesmo e na primeira chance ataco ele de frente visando seu rosto para congelar e matar ele, em seguida ao ataque parto para ajudar meus companheiros.

Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: T4E08-Cenário 1 - A União Mutante   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
T4E08-Cenário 1 - A União Mutante
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 2Ir à página : 1, 2  Seguinte
 Tópicos similares
-
» Alvos da Divisão Anti-mutante.
» União de mini-equipe para criação de jogos 3D.
» Copa União - Fase de Grupos: Gabriel Paiva Vs. Belugha Belrog
» Cenário do jogo - Mapas e características
» Copa União - Fase de Grupos: Zack Yochi Vs. Joul Terri

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Geração Suprema :: Geração Suprema - RPG :: 4° Temporada-
Ir para: